INVESTIGAÇÕES

PMs são presos sob a suspeita de participação em assalto a carro-forte em Olinda

O assalto aconteceu no dia 29 de agosto de 2019

JC Online
JC Online
Publicado em 01/10/2019 às 18:09
Notícia
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
FOTO: Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Leitura:

Dois policiais militares foram presos, nessa segunda-feira (30), sob a suspeita de participarem de um assalto a carro-forte dentro de um supermercado em Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR), no dia 29 de agosto de 2019. Os suspeitos foram identificados como Hildebrando Felix da Silva de Souza e Alexandre José Guedes Pereira.

De acordo com a Polícia Civil, os dois são suspeitos de integrarem uma organização criminosa armada. As prisões foram feitas em cumprimento de mandado expedido pela Terceira Vara Criminal de Olinda.

Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Dois vigilantes ficaram feridos após troca de tiros - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
De acordo com informações iniciais, o alvo dos bandidos era um carro-forte - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Segundo a polícia, os suspeitos levaram aproximadamente R$ 50 mil - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
De acordo com informações iniciais, o alvo dos bandidos era um carro-forte - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Após a ação, um carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Após a ação, um carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Após a ação, um carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Após a ação, um carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado - Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem
Foto: Bruno Campos/JC Imagem
- Foto: Bruno Campos/JC Imagem

Apreensões

Hildebrando foi preso em casa, no bairro de Passarinho, em Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR). Com ele, o efetivo apreendeu uma farda da Polícia Federal, pistola calibre 45, uma carabina calibre 38 e munições de diversos calibres. A polícia disse que ele ainda poderá responder por posse ilegal de arma. Já na residência de Alexandre, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, foi apreendida uma pistola calibre 40, 11 munições do mesmo calibre e um aparelho celular.

Os dois policiais foram encaminhados para o Centro de Reeducação da Polícia Militar de Pernambuco (Creed), localizado em Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife (RMR). A polícia informou ainda que novas informações serão dadas "quando elas não prejudicarem o avanço do inquérito policial".

O que disse a Polícia Militar

Em nota, a Polícia Militar informou que tomou conhecimento da prisão dos PMs e que "no âmbito interno tomará as providências cabíveis diante das circunstâncias. No entanto, aguarda ser comunicada efetivamento sobre o processo, para dar início aos procedimentos administrativos e disciplinares".

Relembre o caso

No dia 29 de agosto de 2019, um carro-forte que abastecia caixas eletrônicos do Supermercado Maxxi, em Olinda, no Grande Recife, foi alvo de bandidos. Informações iniciais apontaram que foram roubados aproximadamente R$ 50 mil. Dois vigilantes ficaram feridos após troca de tiros com os suspeitos do assalto. As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital da Restauração (HR), localizado na área central do Recife, conscientes e orientadas. Após a ação, um carro utilizado pelos suspeitos foi encontrado.

Veja o vídeo da troca de tiros

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias