VIOLÊNCIA

PM reage a assalto a ônibus no Cabo, é baleado e morre no Hospital da Restauração, no Recife

Terceiro-sargento reformado da PM, a vítima foi atingida na cabeça após tentar impedir o assalto em Ponte dos Carvalhos

Marcelo Aprigio
Marcelo Aprigio
Publicado em 09/01/2020 às 8:53
Notícia
Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Terceiro-sargento reformado da PM, a vítima foi atingida na cabeça após tentar impedir o assalto em Ponte dos Carvalhos - Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Leitura:

Morreu na manhã desta quinta-feira (9), no Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, área central do Recife, o terceiro-sargento reformado da Polícia Militar (PM), Givanilton da Rocha Pessoa, 59 anos. Ele havia sido baleado na cabeça após reagir a um assalto a ônibus em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR), noite dessa quarta (8).

De acordo com a Polícia Civil, Givanilton era um dos passageiros do ônibus que fazia a linha TI Cajueiro Seco/Cabo (Cohab), que foi alvo de assaltantes enquanto passava pela BR-101 na cidade. Os policiais explicaram que um dos suspeitos pediu parada e ao subir no veículo anunciou o assalto. No mesmo momento, outros dois homens subiram pela porta traseira do ônibus e passaram a roubar pertences dos passageiros da linha, que não tem cobrador.

Segundo testemunhas, o PM reformado estava sentado na cadeira que seria usado pelo cobrador e, ao perceber a ação dos criminosos, reagiu e foi baleado, caindo, logo em seguida, perto da catraca do coletivo.

De acordo com o delegado Aláumo Lima, a vítima chegou a ser levada para o Hospital Metropolitano Dom Helder Câmara, também no Cabo, mas devido à gravidade dos ferimentos foi transferida para o Hospital da Restauração.

Testemunhas também contaram à polícia que um adolescente de 17 anos suspeito de ter participado da ação foi baleado durante a investida criminosa. O jovem também foi levado a uma unidade de saúde do Cabo de Santo Agostinho, onde foi atendido e apreendido pelos policiais.

Durante a fuga os suspeitos atiraram no coletivo. Os disparos atingiram a porta traseira e o para-brisas.

INVESTIGAÇÕES

O ônibus em que estava o PM reformado foi levado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife, onde passou por perícias.

Dentro do veículo foi encontrado um projétil de calibre 38. De acordo com os peritos do Instituto de Criminalística (IC), as câmeras de circuito interno também podem ajudar nas investigações. A arma do sargento também foi levada para o DHPP, onde será periciada. 

Segundo a Polícia Civil, os outros dois envolvidos no crime já foram identificados e devem ser detidos em breve.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias