SBT completa 35 anos de sucesso na TV brasileira

Fundada por Silvio Santos em 1981, a emissora coleciona êxitos em mais de três décadas

SBT/Acervo/Divulgação
FOTO: SBT/Acervo/Divulgação

“Quando eu cheguei aqui, o pessoal me cumprimentou e disse: Terminou a novela. E realmente foi uma novela. Foi uma novela com happy end”. Estas foram as primeiras palavras que o Senor Abravanel, mais conhecido como Silvio Santos, pronunciou na manhã do dia 19 de agosto de 1981, ao transmitir, ao vivo, não só o nascimento de uma emissora brasileira, mas exibe com ineditismo a assinatura da concessão de televisão perante o público, através de uma outorga do Ministério das Comunicações, diretamente de Brasília. Nesta sexta-feira (19), o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT) completa 35 anos de existência marcando presença em Pernambuco desde 1987, quando a TV Jornal se tornou sua afiliada.

Com a missão de produzir conteúdo capaz de reunir a família, divertir e informar, a história do SBT está repleta de programas e personalidades que marcaram públicos e gerações. No ano de inauguração, Silvio Santos comandava o game show Domingo no Parque. O palhaço Bozo e a Vovó Mafalda já alegravam as manhãs da criançada. A saudosa Dercy Gonçalves também tinha seu espaço na emissora paulista. E até o Raul Gil, atuando na emissora novamente nos dias atuais, também já tinha um programa que levava o seu nome em 1981.

Ainda na década de 80, dois momentos antológicos estão marcados na história do SBT. No dia 4 de março de 1986, a eterna Rainha da Televisão, Hebe Camargo, fazia sua estreia no canal. E no ano seguinte, foi levado ao ar outro produto que se mantém viva na casa desde então: A Praça É Nossa. O humorístico comandado por Carlos Alberto de Nóbrega começou do mesmo jeito como a saudosa Praça da Alegria, criada pelo seu pai, Manuel de Nóbrega, recebendo o próprio Silvio Santos naquele velho e querido banco. E em 1987, Mara Maravilha contagiava as crianças com seu Show Maravilha no horário vespertino.

No início dos anos 90, o SBT operava em cinco pontos diferentes de São Paulo: Vila Guilherme, Rua Camarés, Teatro Ataliba Leonel, Sumaré e Anhanguera. Para resolver a situação, o SBT construiu sua sede definitiva: o Centro de Televisão (CDT), que também é carinhosamente chamado de “Cidade da Televisão”. A inauguração do CDT – Complexo Anhanguera, que abriga oito estúdios, redação jornalística e cidade cenográfica, aconteceu nos 15 anos da emissora, saindo dali mais um celeiro de sucessos para a história da TV brasileira.

Com êxitos no entretenimento familiar (Passa ou Repassa, Domingo Legal, Fantasia, Programa Silvio Santos), infantil (Bom Dia & Cia, Casa da Angélica, Disney Cruj), jornalismo (Aqui Agora, SBT Repórter, SBT Brasil) e teledramaturgia (Éramos Seis, Pérola Negra e as recentes Carrossel e Cúmplices de um Resgate), o SBT também abriu as portas para os produtos mexicanos, que ganharam o país através do seriado Chaves e das inúmeras e inesquecíveis novelas.

Nestes 35 anos de SBT, Silvio Santos consegue enxergar a continuidade de seu trabalho na emissora através de suas filhas: Daniela Beyruti, que ocupa o cargo de diretora-geral do canal, além de Patrícia e Silvia Abravanel, que exercem a função de apresentadoras.

Audiência

Além dos 35 anos comemorados nesta sexta-feira (19), o SBT/TV Jornal celebra ótimos índices de audiência e ocupa – de forma consecutiva – a vice-liderança no ranking geral no Painel Nacional de Televisão, na faixa das 24 horas, desde o mês de janeiro. Também foi a única entre as emissoras de TV aberta a ganhar público entre 2010 e 2015, com crescimento de 8,6% no share, segundo dados do Kantar Ibope.

SBT/Acervo/Divulgação
O SBT iniciou suas atividades oficialmente em 1981. Silvio Santos apresentou o Domingo no Parque. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Silvio Santos apresentando o Troféu Imprensa, em 1982. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1983, Silvio apresentou o Namoro na TV. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1984, o Homem do Baú comandou o programa Portas da Esperança. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de 1985, quando Silvio Santos comandava o quadro Boa Noite, Cinderela. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Eterna Rainha da Televisão, Hebe Camargo estreou no SBT no dia 4 de março de 1986. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1988, a jovem cantora Simony apresentou o infantil Dó Ré Mi Fá Sol Lá Simony. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de 1989, quando Hebe recebeu a visita de Xuxa em seu programa. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Um registro de 1990, quando Carlos Alberto de Nóbrega recebia a Velha Surda e Elke na Praça é Nossa. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1991, estreava o jornal popularesco Aqui Agora. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de 1992, no Show de Variedades, do Programa Silvio Santos. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1993, a apresentadora Angélica comandava o infantil Casa da Angélica nas tardes da emissora. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1994, ia ao ar a novela As Pupilas do Senhor Reitor, escrita por Lauro César Muniz. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Também foi em 94 que foi exibida a novela Éramos Seis. Esta era a cidade cenográfica da trama. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de 1996, quando Celso Portiolli comandava a gincana Passa ou Repassa. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Com cinco temporadas e gravada na Argentina, a novela Chiquititas foi um fenômeno da televisão. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 1998, a novela Pérola Negra foi um grande sucesso na emissora. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de 1999, quando Silvio comandava o Jogo do Milhão, nomeado como Show do Milhão logo depois. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 2000, Dercy Gonçalves era a estrela do humorístico Fala Dercy. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Silvio comandou mais um fenômeno de audiência em 2001: o reality show Casa dos Artistas. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 2002, o reality show musical Popstars revelou o fenômeno musical Rouge. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
No ano seguinte, em 2003, a versão masculina do reality criou o grupo Br'oz. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
No ano de 2004, Adriane Galisteu comandava o Charme. - SBT/Acervo/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Em 2005, o SBT surpreendeu ao contratar a jornalista Ana Paula Padrão, da Globo, para o SBT Brasil. - SBT/Acervo/Divulgação
Moacyr Santos/SBT/Divulgação
Em 2006, Supernanny foi um grande sucesso de audiência na emissora. - Moacyr Santos/SBT/Divulgação
SBT/Acervo/Divulgação
Registro de Silvio Santos no Teleton 2007. - SBT/Acervo/Divulgação
Roberto Nemanis/SBT/Divulgação
Um dos primeiros encontros de Silvio Santos e a pequena Maísa, no Programa Silvio Santos, em 2008. - Roberto Nemanis/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Roberto Justus também teve passagem pela emissora. Em 2009, comandou o 1 Contra 100. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Em 2010, após passagem pela Record, Eliana voltava ao SBT com um programa pra família aos domingos. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Em 2011, a novela Amor e Revolução, de Tiago Santiago, causou ao exibir um beijo gay entre mulheres. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
No ano de 2012, a versão brasileira de Carrossel acertava em cheio o público infantil. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
No ano seguinte, foi a vez da nova versão de Chiquititas ser um grande sucesso infantojuvenil. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Em 2014, Danilo Gentili estreava no SBT o seu talk show The Noite, líder de audiência no horário. - Lourival Ribeiro/SBT/Divulgação
Cauana Fernandes/SBT/Divulgação
Em 2015, Silvia Abravanel, filha de Silvio, passa a comandar o infantil Bom Dia & Companhia. - Cauana Fernandes/SBT/Divulgação
Leonardo Nones/SBT/Divulgação
Em 2016, ano em que comemora 35 anos, o SBT estreou recentemente o Fofocando. - Leonardo Nones/SBT/Divulgação

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias