A Terra Prometida termina com reflexões sobre a existência

Episódio apresentou uma espécie de revisão da trajetória de Josué e a passagem da liderança para Otniel

Record TV/Divulgação
Episódio apresentou uma espécie de revisão da trajetória de Josué e a passagem da liderança para Otniel - Record TV/Divulgação

No último capítulo da novela A Terra Prometida (Record TV), exibido nesta segunda-feira (13/03), prevaleceram cenas em que havia uma espécie de revisão da trajetória de Josué (Sidney Sampaio) como líder dos hebreus e a transmissão desse posto para Otniel (Leonardo Miggiorin).

De maneira simbólica, essa ideia foi transmitida com a sequência na qual Josué presenteia Otniel com uma semente de tâmara, assim como Moisés havia feito com ele no passado. "Devemos ser como a tamareira, fortes, retos e perseverantes", afirmou, dizendo saber que ele teria um futuro de muita importância para Israel.

Além disso, com flashbacks foram retomadas cenas como as da queda da muralha de Jericó e, junto com eles, saltos no tempo foram utilizados como recursos narrativos. Após um desses saltos, o público viu Josué e Aruna (Thais Melchior) conversando sentados à sombra da tamareira que plantaram muitos anos antes.

FINAL

"Dizem que ao final da vida devemos ser capazes de entender o propósito da nossa existência", comentou Josué, que depois pediu para descansar deitado no colo de Aruna e morreu ali mesmo.

O último capítulo da novela terminou retomando a cena do beijo de Aruna e Josué quando jovens, mas, antes desse momento, mostrou Otniel assumindo a liderança dos hebreus.

Logo em seguida, a Record TV começou a exibir sua próxima novela de inspiração bíblica: O Rico e o Lázaro.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias