show

Isaar, Curumim e La Yegros fazem shows no Conexão PE nesta sexta

Evento chega a sua sexta edição e toma conta da casa de shows Estelita

Valentine Herold
Valentine Herold
Publicado em 11/04/2014 às 6:30
Foto: Josivan Rodrigues/Divulgação
Evento chega a sua sexta edição e toma conta da casa de shows Estelita - Foto: Josivan Rodrigues/Divulgação
Leitura:

O projeto que nasceu para apresentar a produção musical contemporânea pernambucana a outros Estados do País chega, enfim, ao seu local de origem, após sete anos e cinco edições. O Conexão PE faz sua estreia no Recife esta noite, com shows da anfitriã pernambucana Isaar; do baterista e cantor paulista Curumin; e da argentina, radicada atualmente na França, La Yegros. A festa acontece na casa de shows Estelita, na noite desta sexta-feira (10) a partir das 22h.

Para Isaar, a noite é ainda mais especial: ela apresenta, pela primeira vez ao vivo, as faixas de seu novo álbum,Todo calor. O CD foi lançado digitalmente em fevereiro e surpreendeu por ter marcado uma libertação maior dos ritmos regionais que tanto cantou quando integrava o Comadre Fulozinha e ainda nos dois primeiros discos solos.Todo calor é mais dançante, com suas mesclas de reggae e cumbia. “Vai ser um show muito especial. Estou feliz com a repercussão do disco, muita gente me para para dizer que gostou. Vamos tocá-lo na íntegra e mais algumas outras faixas do CDs anteriores”, adianta. 

Curumim volta ao Recife novamente com seu último trabalho, Arrocha. Lançado há dois anos, e considerado por ele próprio mais urbano e eletrônico, o disco reúne faixas como Selvage e Afoxoque. Já a argentina La Yegros faz sua estreia na cidade. A cantora apresenta ao público recifense seu som latino, repleto de influências norte-americanas e jamaicanas. Rap e dub são alguns dos gêneros misturados por La Yegros junto às raízes musicais “bailantes” da América do Sul.

Idealizadora e produtora do Conexão PE, Mônica Cosas avalia a chegada da sexta edição como muito positiva. Costumeiramente, o festival traz, além dos shows, uma mostra audiovisual de curtas-metragens. “Desta vez não vai dar, mas estou planejando outra edição para o final do ano, no Recife, ampliando também para as artes plásticas”, adianta Mônica. 

Leia a matéria na íntegra na edição desta sexta-feira (11) no Caderno C, do Jornal do Commercio.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias