Diva pop

Iza, Duda Beat e Alinne Rosa são atrações da Sopa, no Parador, no Carnaval do Recife 2020

Cantoras fazem show dia 24 de fevereiro, na segunda-feira de Carnaval

Márcio Bastos
Márcio Bastos
Publicado em 21/02/2020 às 15:27
Notícia
Divulgação
Cantoras fazem show dia 24 de fevereiro, na segunda-feira de Carnaval - Divulgação
Leitura:

Sensação do pop nacional, Iza faz sua estreia no Carnaval do Recife 2020 segunda-feira (24, na festa Sopa, no Parador. Responsável por hits como Brisa, Dona de Mim e Pesadão, a carioca de 29 anos promete um show com sucessos e surpresas. A noite conta com shows de Duda Beat e Alinne Rosa, além de discotecagem de Armando Babaioff e Rodrigo Porto.

Descoberta através dos vídeos que postava em seu canal do Youtube, Iza não demorou para conquistar um lugar de destaque na grande mídia. Com voz e presença de palco marcantes, ela transita com facilidade por diferentes gêneros, do jazz/blues de I Put a Spell on You (no belo cover do clássico de Nina Simone) à precisão pop de Pesadão.

“Eu estou muito feliz com tudo que a música já me proporcionou”, afirmou a cantora, que adianta estar com muitos planos para este ano. “Com certeza virão novos singles em 2020. Tenho muita música pronta já, algumas parcerias e não vejo a hora de mostrar tudo isso.”

REPRESENTATIVIDADE

Com a agenda cada dia mais cheia, incluindo campanhas publicitárias e o posto de jurada do The Voice Brasil, na Globo, Iza se diz ciente da importância de suas conquistas e diz querer usar sua plataforma em favor da mudança social.

“Muito tem sido conquistado em prol da mulher, mas ainda falta muito coisa. Não somente em prol da mulher, mas principalmente da mulher negra. Acredito que a gente ainda é, sim, a parcela da população que mais sofre com homicídios, com o preconceito, o racismo e o machismo. Eu acho que as coisas estão mudando, mas ainda falta muita luta para chegarmos perto do que seria o ideal”, enfatizou.

Iza ressaltou ainda a importância da representatividade e de como se sente lisonjeada em poder servir de modelo para outras mulheres. “Lembro a menina que eu fui e sei como é importante me ver nos lugares, me sentir representada tendo uma mulher forte me dizendo todos os dias que eu posso e que quem sabe sou eu. Me sinto lisonjeada de estar nessa posição hoje e de poder levar essa mensagem através da minha arte.”

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias