região metropolitana

Atores se mobilizam para reverter situação de descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista

Salas de ensaio do teatro foram repassadas para servir de anexo ao TRE. Além disto, a péssima condição do palco, dos camarins e da plateia entristecem

Valentine Herold
Valentine Herold
Publicado em 24/07/2013 às 7:00
Valentine Herold/ JC
FOTO: Valentine Herold/ JC
Leitura:

“Morta, lerda e cega.” Os adjetivos nada lisonjeiros são usados repetitivamente pelo produtor cultural e ator Vinicius Coutinho para definir a Secretaria de Cultura de Paulista, Região Metropolitana do Recife. Ele estava no grupo de 15 pessoas – entre atores e produtores culturais – presentes na manhã de ontem no ato de protesto em frente ao Teatro Paulo Freire, único do município, contra o repasse das salas de ensaio do local ao Tribunal regional Eleitoral (TRE) em comodato até 2031.

Fechadas e com a reforma já iniciada, as salas compõem o anexo do teatro que completa 70 anos no próximo ano e que precisa de investimentos para atender melhor o público. Além do repasse das salas, o Teatro Paulo Freire não recebe nem uma demão de tinta desde 2005, segundo Coutinho. Paredes descascadas, buracos no teto do palco, cortinas rasgadas e teias de aranha nas luminárias, infiltrações no teto e cheiro de mofo são alguns dos itens que revelam o descaso público. 

À luta da classe artística se juntou o Movimento Paulista de Verdade (MPV), que tem como proposta fiscalizar as contas públicas. Um primeiro ofício foi enviado à Prefeitura de Paulista no dia 29 de janeiro deste ano pedindo a transparência na documentação envolvida na reforma do anexo do teatro para o TRE.

Procurado pela reportagem, assessoria da prefeitura alegou que o secretaria de Cultura Felipe Andrade estava em uma missão e que não poderia atender à reportagem, mas o secretário de Articulação Política, Fabiano Mendonça, disse que a reforma do teatro está no cronograma da gestão. “Nossa primeira meta é recuperar os equipamentos públicos. A previsão é que a reforma seja concluída ainda neste semestre”, disse.

Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC
Valentine Herold/ JC
Descaso do Teatro Paulo Freire, em Paulista - Valentine Herold/ JC


Leia  a matéria completa na edição desta quarta-feira (24) do Caderno C, no Jorna do Commercio.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias