EMPREENDEDORES

Empresário pernambucano entra para lista de jovens empreendedores da Forbes

Renan Hannouche de 29 anos passou a integrar a lista "Under 30" da Forbes Brasil

Edilson Vieira
Edilson Vieira
Publicado em 31/12/2019 às 15:28
Foto: divulgação
Renan Hannouche de 29 anos passou a integrar a lista "Under 30" da Forbes Brasil - FOTO: Foto: divulgação
Leitura:

O empresário digital pernambucano Renan Hannouche, de 29 anos, foi selecionado para integrar a “Under 30”, edição 2019 da lista de 90 jovens empreendedores promissores de até 30 anos de idade da revista de negócios Forbes Brasil. A lista contempla representantes em áreas como entretenimento, ciência, educação, política, finanças, tecnologia e terceiro setor que se destacam pela inovação em suas áreas.

Renan, que em seu perfil no Instagram se define como um “super nerd apaixonado por pessoas, suas histórias, e em transformar seus problemas em inovação”  criou como engenheiro da computação várias startups, entre elas a Ikone, uma plataforma global que une empreendedores, investidores ONGS e voluntários com o objetivo de estabelecer iniciativas voltadas para o desenvolvimento sustentável. Renan diz que ao ser indicado para a lista da Forbes passou por um longo processo de avaliação de sua carreira e suas ações no campo da inovação. “Vejo essa indicação como um prêmio não para mim, mas para o reconhecimento do trabalho de toda uma equipe e que vai permitir uma maior visibilidade do nosso novo projeto” .  

EMPREENDEDORES  

Renan se refere ao Gravidade Zero, centro de impacto social e empreendedorismo que vai funcionar no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife em 2020. Renan Hannouche  cita que 43% das startups vão a falência porque não conseguem validar seus processos. Ele diz que o Gravidade Zero será um laboratório vivo onde cientistas do mundo todo poderão se conectar a empreendedores digitais e juntos encontrar soluções para problemas reais das cidades como saneamento, saúde, segurança e educação. “Vamos trabalhar seguindo os parâmetros de desenvolvimento sustentável definidos pela Organização da Nações Unidas”, diz Hanouche.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias