Rússia 2018

Senegal foi a primeira equipe eliminada por fair play das Copas

Time africano empatou com o Japão em pontos e saldo de gols no Grupo H, mas não avançou às oitavas por ter mais advertências

Luana Ponsoni
Luana Ponsoni
Publicado em 28/06/2018 às 17:08
EMMANUEL DUNAND / AFP
Time africano empatou com o Japão em pontos e saldo de gols no Grupo H, mas não avançou às oitavas por ter mais advertências - EMMANUEL DUNAND / AFP
Leitura:

A seleção de Senegal se tornou, nesta quinta-feira (28), a primeira equipe a ser eliminada pelo quesito de fair play na história das Copas do Mundo. Na 21ª edição do Mundial, os africanos deram adeus ao torneio na terceira e última rodada do Grupo H depois de empatarem em pontos (4x4) e saldo de gols (0x0) com o Japão, mas perderem no número de cartões amarelos. Ao todo, a equipe do técnico Aliou Cissé levou seis advertências, contra quatro do time nipônico. 

A campanha de Senegal foi marcada por uma vitória por 2x1 para a Polônia na estreia. Na sequência, os africanos empataram com o Japão por 2x2 e perderam para a Colômbia, nesta quinta (28), por 1x0. Encerraram a participação na Copa em terceiro, à frente da Polônia, que somou três pontos.

ORGULHO

Apesar de ter lamentado os motivos que levaram à eliminação de sua equipe, o técnico Aliou Cissé se disse orgulhoso com o desempenho de seus comandados.

“Tenho muito orgulho da minha equipe hoje e tenho orgulho do trabalho deles. Mas o Senegal não se classificou porque não merecemos qualificar. Os pontos de Fair Play são uma das regras e estas regras foram estabelecidas nos regulamentos do torneio; nós temos que respeitar isso. Preferíamos ser eliminados de outra maneira, mas é assim que funciona e sabíamos que esse era o regulamento”, avaliou em entrevista coletiva.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias