campeonato carioca

Flamengo diz que Nenê e Vargas estão fora de cotigação

O dirigente indicou que o grupo deve ser fortalecido para a disputa da Copa do Brasil, que só começa em abril, e do Campeonato Brasileiro

Arline Lins
Arline Lins
Publicado em 03/01/2013 às 14:26
Leitura:

A nova diretoria do Flamengo, empossada no final do ano passado, tem uma política clara de não gastar mais do que o clube pode pagar. Por isso, o torcedor não deve esperar contratações caras para a temporada que se inicia nesta quinta-feira (2), com a reapresentação do grupo de jogadores no CT de Vargem Grande.

O novo vice de futebol do Flamengo, Wallim Vasconcellos, já descartou dois dos principais nomes especulados: Nenê, do Paris Saint-Germain, e Vargas, do Napoli. "Nenhum dos dois. Nem Nenê, nem Vargas. Os valores estão fora de cogitação, começaram a fazer leilão e não vamos entrar em leilão", garantiu o dirigente. Antes, Robinho, pelos mesmos motivos, também havia sido descartado.

"A gente continua as negociações com vários atletas, não tem nada fechado, (tem) muita gente de férias. Tínhamos a expectativa de fechar uma ou duas negociações entre o Natal e o ano novo, mas não conseguimos. Não podemos fazer loucuras. Estamos com salários atrasados, (direitos de) imagens, e temos que reforçar", ressaltou Wallim.

O dirigente indicou que o grupo deve ser fortalecido para a disputa da Copa do Brasil, que só começa em abril, e do Campeonato Brasileiro. "Vamos trazer atletas de qualidade, mas temos de ter paciência para não fazermos mau negócio. Vamos esperar um pouco para o Carioca. Com uma ou duas peças conseguiremos um bom desempenho. Nossa meta é a Copa do Brasil e o Brasileiro para que possamos disputar a Libertadores em 2014", explicou.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias