Canarinho

Seleção brasileira enfrenta frágil Panamá

Depois do Panamá, a seleção brasileira enfrenta a República Tcheca

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 23/03/2019 às 9:03
Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Depois do Panamá, a seleção brasileira enfrenta a República Tcheca - Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Leitura:

Contra um adversário frágil e em um jogo sem pressão, Tite faz hoje novos testes na seleção brasileira, no amistoso contra o Panamá, às 14h, na cidade do Porto, à procura dos jogadores para compor a equipe na Copa América. Nomes como Éder Militão e Lucas Paquetá vão tratar o encontro como uma ocasião decisiva para ganhar espaço.

A primeira partida da seleção brasileira no ano oferece a Tite a oportunidade de observar novas opções. Somente quatro dos 11 jogadores que vão começar o amistoso no estádio do Dragão foram titulares na Copa do Mundo da Rússia.
A tendência é o treinador promover ainda outras experiências para o amistoso seguinte, na terça-feira, contra a República Checa, em Praga. Como Neymar está fora por lesão, uma vaga a mais foi aberta na seleção para possíveis observações.

“Eu quero dar confiança para Alex Telles. Eu quero dar naturalidade ao Militão. Quero que o Ederson volte aqui onde era rival (o goleiro jogou no Benfica) e tenha concentração para jogar. Eu quero ver o nível da seleção se elevar. E esses fatores são mais importantes para mim”, disse o treinador.

O capitão do time será o volante Casemiro, que já jogou pelo Porto. Como essa rodada de amistosos é a última antes da convocação para a Copa América, vários jogadores do elenco atual estão ansiosos pela chance de atuar. Para alguns deles, a presença na lista final depende de demonstrar serviço agora e conquistar a confiança do treinador.

Estreantes na seleção, o lateral Alex Telles e o atacante David Neres estão nessa condição. O meia Felipe Anderson, que retorna à seleção depois de quase quatro anos, também quer demonstrar serviço, assim como o volante Allan e o próprio meia Lucas Paquetá.

Tite queria ainda dar a primeira experiência na seleção ao atacante Vinícius Junior, que acabou cortado por lesão no tornozelo direito. O treinador disse que não descarta chamar o jogador do Real Madrid para a Copa América, mesmo sem tê-lo visto jogar de perto.

ESCALAÇÃO

O Brasil irá a campo contra o Panamá com: Ederson; Fagner, Miranda, Militão e Alex Telles; Casemiro; Coutinho, Arthur, Paquetá e Richarlison; Firmino.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias