Gilmar Dal Pozzo

Técnico do Náutico admite chateação com polêmicas pré-clássico, mas evita comentar declarações

Declarações do presidente da Federação Pernambucana de Futebol e do técnico do Santa Cruz causaram polêmicas durante a semana

Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 23/08/2019 às 13:29
Notícia
Léo Lemos/Náutico
Declarações do presidente da Federação Pernambucana de Futebol e do técnico do Santa Cruz causaram polêmicas durante a semana - FOTO: Léo Lemos/Náutico
Leitura:

As polêmicas entorno do Clássico das Emoções deste sábado, pela última rodada da primeira fase da Série C, incomodaram o técnico Gilmar Dal Pozzo. No início da semana, levantou-se a possibilidade do Náutico facilitar o jogo para ajudar o Santa Cruz a conquistar a classificação. O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), chegou a declarar a torcida pelo time tricolor. De acordo com o treinador alvirrubro, essa situação coloca em xeque o seu caráter e do elenco.

"Confesso que me deixou chateado sim, porque a gente conseguiu consolidar o trabalho com resultados e bons jogos, conseguimos uma classificação antecipada e essa semana foi falada muita bobagem. Acompanhei muita bobagem, colocando em dúvida o nosso caráter. As pessoas podem colocar em dúvida se o técnico é bom, se escala bem, ou um atleta erra, mas nunca colocar em dúvida o nosso caráter. Eu peço para o torcedor não entrar nessa pilha", comentou Dal Pozzo.

Perguntado especificamente sobre a declaração que o técnico Milton Mendes concedeu nesta quinta-feira, em relação ao estádio dos Aflitos, Gilmar Dal Pozzo preferiu não comentar o assunto para não causar mais polêmica. Ciente das declarações do treinador do Santa Cruz e do presidente da FPF, o técnico do Náutico revelou estar focado apenas no trabalho dentro de campo.

"Eu acompanhei os depoimentos de todos, não só de Milton Mendes. Eu vou deixar para vocês julgarem. A minha preocupação é em treinar, capacitar e potencializar minha equipe para o clássico. Não vou perder um segundo do meu tempo para comentar o que se fala por aí. Eu não quero me posicionar para não causar mais polêmica ainda. Tudo que eu ouvi durante a semana entrava por um ouvido e saia pelo outro, porque não ia resolver o nosso problema, eu não ia mudar o que as pessoas falaram", disse.

TIME

Na véspera do Clássico das Emoções, Gilmar Dal Pozzo preferiu não adiantar o time titular do Náutico. O treinador alvirrubro confirmou apenas que os atacantes Paulinho e Matheus Carvalho não jogam, já que durante a semana sentiram dores na coxa direita e no tornozelo esquerdo, respectivamente, e por isso não participaram dos últimos treinamentos. "Nesse momento importante de um clássico, faz parte do processo criar alguma dúvida para o adversário", comentou.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias