alegria timbu

Vermelho e branco tomam ruas do Recife após título do Náutico

Mercado de São José se pintou nas cores alvirrubras para celebrar título inédito da Série C

JC Online
JC Online
Publicado em 07/10/2019 às 12:07
Notícia
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
FOTO: Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Leitura:

O vermelho e o branco tomaram conta das ruas do Recife na manhã desta segunda-feira (7). Cores com um brilho especial de orgulho. O motivo do orgulho foi o título da Série C do Campeonato Brasileiro conquistado pelo Náutico, nesse domingo (06), no Maranhão, onde empatou com o Sampaio Corrêa por 2x2, garantindo a taça por ter vencido o primeiro jogo da final por 3x1, nos Aflitos.

Um dos locais da capital pernambucana em que os alvirrubros foram mais vistos foi o Mercado de São José, tradicional ponto de encontro dos torcedores pernambucanos. Cleiton Cavalcanti de 37 anos, que tem um box no espaço, foi trabalhar a caráter: com a camisa e a bandeira do clube. “Rapaz, foi difícil dormir depois de tanta emoção. Foi suado, sofrido, mas amanhecemos hoje como campeões brasileiros”, disse.

O dono de fiteiro, João Rodrigues Sobrinho, 76, falou que esperou a vida toda por um título nacional do Náutico. “Eu sonhava com isso há muito tempo, mas agora que finalmente chegou quero mais. Antes de morrer eu quero ainda comemorar outros!”, brincou seu João.

Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
- Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

O título

O 2x2 contra o Sampaio em São Luís decretou o primeiro título nacional alvirrubro. Os gols alvirrubros foram marcados por Álvaro e Matheus Carvalho, no segundo tempo. Os gols maranhenses saíram de Everton, no primeiro tempo, e Salatiel, na etapa complementar.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias