Luanderson

Luanderson ganha vaga de Josa e vai ser testado no time titular do Náutico

O volante vai fazer a estreia com a camisa alvirrubra no amistoso contra o Treze

Fernando Castro Fernando Castro
Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 07/01/2020 às 15:49
Léo Lemos/Náutico
O volante vai fazer a estreia com a camisa alvirrubra no amistoso contra o Treze - FOTO: Léo Lemos/Náutico
Leitura:

Na véspera do amistoso contra o Treze, que será realizado às 20h, nesta quarta-feira, no estádio Amigão, em Campina Grande, o técnico Gilmar Dal Pozzo confirmou a equipe titular do Náutico com apenas uma mudança em relação ao time que jogou o amistoso contra o ABC. Um dos oito reforços para a temporada, o volante Luanderson ganhou a vaga de Josa e vai ser testado no time principal. 

"Em relação a equipe que começou o jogo contra o ABC, a única mudança vai ser o Luanderson, que vai ter a oportunidade de iniciar uma partida. Os demais vai ser os mesmos atletas, é o momento que a gente tem de ver esse atleta jogar, por isso vai ser só essa mudança, essa é a equipe que vai começar a partida", explicou o técnico Gilmar Dal Pozzo.

Dessa maneira, com apenas uma mudança na equipe, o Náutico vai enfrentar o Treze com: Jefferson; Bryan, Rafael Ribeiro, Fernando Lombardi e Wilian Simões; Luanderson, Rhaldney e Jean Carlos; Matheus Carvalho, Álvaro e Salatiel. O zagueiro Ronaldo Alves e o atacante Erick, que se juntaram ao elenco no final da última semana, não viajam para Campina Grande. A dupla vai focar na parte física e ainda não tem presença garantida no amistoso de volta do próximo domingo, nos Aflitos.

CARACTERÍSTICAS

Gilmar Dal Pozzo ainda fez questão de ressaltar as características de Luanderson. Primeiro volante assim como Josa, o jogador tem a marcação como principal característica. O volante estava disputando a Série A pelo Avaí, onde atuou em 12 partidas. Antes, Luanderson foi destaque do Marcílio Dias no Campeonato Catarinense, integrando a seleção do estadual. 

"Eu acompanhei Luanderson atuando pelo Marcílio Dias, foi aí que ele me chamou atenção, ele foi eleito o melhor jogador da posição e depois foi para o Avaí. Jogou poucos jogos no início do Brasileiro e na reta final teve uma sequência, foi nesse período que a gente retomou as conversas, porque precisávamos de um jogador com essas características, de boa marcação, com intensidade e com uma boa qualidade de passe. É um jogador experiente também, já foi capitão", destacou Dal Pozzo.

De acordo com o treinador alvirrubro, a entrada de Luanderson como titular não muda o estilo de jogo do Náutico. "Não muda muita coisa, praticamente tem a qualidade que o Josa tem, a dinâmica de marcação, intensidade, a gente procurou seguir a mesma linha para não mudar a estrutura da equipe. É um primeiro volante, com características de marcação, mas com qualidade de passe", revelou.

Últimas notícias