MMA

Bisping se nega a lutar com Belfort e brasileiro solta o verbo

Combate estava sendo arquitetado pelo UFC após último oponente de Belfort passar mal no processo de corte de peso

JC Online
JC Online
Publicado em 17/01/2018 às 18:03
UFC/Reprodução
Combate estava sendo arquitetado pelo UFC após último oponente de Belfort passar mal no processo de corte de peso - FOTO: UFC/Reprodução
Leitura:

A despedida de Vitor Belfort dos octógonos tinha tudo para ser um momento memorável, independente do resultado da luta. Mas o trajeto até a aposentadoria está ganhando contornos desagradáveis para o brasileiro. Primeiro, o combate do último dia 14, contra Uriah Hall, foi cancelado devido a problemas do adversário para cortar peso. Depois, Vitor teve de cobrar ao UFC a bolsa pelo duelo. Por fim, o "Fenômeno" ainda recebeu a recusa de Michael Bisping de enfrentá-lo em um novo duelo para suprir o cancelamento do combate diante de  Hall.

Injuriado com a atitude do inglês, Belfort não se conteve e soltou o verbo nas redes sociais. Entre outras coisas, o brasileiro acusou Bisping de covardia. A luta que o Ultimate estava tentando agendar entre os dois também seria a despedida do inglês do esporte.

"O UFC acabou de me dizer que você recusou a luta. Eu entendo que você está com medo... Então, para de fingir que é durão e admite que está com medo. E eu pensei que fosse homem suficiente para subir no octógono comigo outra vez, me enganei", provocou o brasileiro.

Vitor Belfort e o inglês se enfrentaram em janeiro de 2013, pelo UFC São Paulo. Vitor Belfort nocauteou Bisping de forma brutal. Depois de levar o adversário ao chão com um chute no rosto, completou o nocaute com uma saraivada de socos no oponente. De acordo com o lutador da Inglaterra, o chute lesionou gravemente a retina do olho direito e ele foi obrigado a passar por cinco cirurgias para tentar corrigir o problema. Mas não foi suficiente. Bisping seguiu atuando com a visão comprometida desde que enfrentou Belfort.

Além de mencionar o episódio para justificar a recusa da luta com o Fenômeno, Bisping também disse que não gosta do brasileiro por ele ser "trapaceiro".

"Posso ter só mais uma luta, então, essa é a questão. Todo mundo sabe que não gosto do Vitor. Olhem para os meus olhos. Tenho esse problema no olho por conta dele. Essa é uma das razões pelas quais não gosto de aparecer em vídeos, porque meu olho tem esse problema. Foi o Vitor Belfort que fez isso. E ele estava dopado! Ele é um trapaceiro, lutou dopado várias vezes. Ele é um hipócrita. É a última luta dele, imagina se ele não vai se dopar? Se ele for pego no antidoping, não muda nada, ele vai estar aposentado. Claro que ele vai trapacear", disparou o inglês em entrevista ao podcast  "Believe You Me".

PENDÊNCIA

O reencontro entre Vitor Belfort e Michael Bisping estava sendo cogitado pelo UFC para o evento do dia 17 de março, em Londres. Com a desistência do inglês o Ultimate segue com a pendência de acertar com algum lutador para que o "Fenômeno" possa, enfim, dar adeus à carreira no MMA. 

Últimas notícias