Arruda

Integração do departamento físico do Santa Cruz não é novidade para Jaílton Cintra

Jaílton Cintra foi demitido há quase um mês e recontratado pelo Santa Cruz após saída de Flávio Trevisan

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 24/10/2018 às 9:02
Foto: Rodrigo Baltar/Divulgação
Jaílton Cintra foi demitido há quase um mês e recontratado pelo Santa Cruz após saída de Flávio Trevisan - FOTO: Foto: Rodrigo Baltar/Divulgação
Leitura:

O Santa Cruz destinou o comando do departamento físico ao preparador Jaílton Cintra. Depois de ser demitido há quase um mês, ele foi recontratado após a ida de Flávio Trevisan para o Al Faisaly, da Arábia Saudita. Porém, desta vez, em um cargo mais alto. Ficará sob a responsabilidade dele a integração no setor entre o elenco profissional e as categorias de base. Função que já assumiu em algumas oportunidades nos últimos onze anos de Arruda.

“Isso já existiu há anos quando estávamos no comando do departamento. Um modelo traçado onde também irei acompanhar a base ao lado dos demais profissionais de forma mais interativa”, afirmou o preparador físico tricolor.

Jaílton destacou que essa medida do Santa Cruz pode melhorar os resultados físicos dos jogadores corais. Isso porque em outros anos, mais de um profissional passou pelo clube e assumiu o departamento, pois chegavam com os treinadores contratados. A intenção também é melhorar o condicionamento dos garotos da base quando forem alçados ao time profissional tricolor.

“Querem estabelecer a unidade e estabilidade do departamento. Nos outros anos, chegaram profissionais com os treinadores e cada um tem uma filosofia. Essa visão de integração deve ajudar mas, na verdade, o resultado que vai responder”, declarou.

Depois de ser desligado do Santa Cruz, o preparador físico se envolveu em uma polêmica sobre o modo que a rescisão foi realizada. Em entrevista à Rádio Transamérica, ele se mostrou indignado com a proposta coral de pagar apenas 50% dos débitos divididos em 60 meses.

Porém, Jaílton Cintra garantiu que o retorno foi tratado de forma amigável. “Eles tinham escolhido permanecer com (Flávio) Trevisan, mas depois da ida dele para Arábia (Saudita), me chamaram para conversar e chegamos a um denominador comum”, disse.

Jaílton não escondeu a confiança no retorno ao Arruda para a nova missão. “Saí e voltei pela porta da frente. Vamos novamente comandar o departamento físico. Tenho muitas amizades no Santa Cruz”, finalizou o preparador físico. A Cobra Coral terá apenas um profissional nesta função na comissão técnica principal devido ao orçamento enxuto.

REFORÇO

Ao lado de Jaílton Cintra, o Santa Cruz anunciou o retorno do ex-atacante Zé Carlos. Ele irá assumir o cargo de auxiliar técnico permanente do clube. No ano passado, quando deixou o Arruda, ocupava a mesmo função, mas tinha a missão de focar o trabalho nos treinos com o ataque.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias