Cobra Coral

Santa Cruz bate Imperatriz de virada na Arena e segue vivo na Série C

Os gols do Santa Cruz foram marcados por Everton, Vitão e Augusto

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 02/08/2019 às 22:06
Notícia
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
FOTO: Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Em um jogo nervoso e emocionante, o Santa Cruz conseguiu não só a sobrevida na Série C do Campeonato Brasileiro como também demonstrou que não vai entregar os pontos fácil. A prova disso foi heroica virada por 3x2 sobre o Imperatriz, ontem, na Arena de Pernambuco, pela 15ª rodada. Everton, Vitão e Augusto foram os heróis que deixaram o pulso coral pulsando. Gabriel Caju e Matheus Lima fizeram para os visitantes. Os tricolores ganharam uma posição e estão temporariamente na sexta colocação com 21 pontos. O quarto colocado é Ferroviário-CE, com 23, que recebe o ABC na segunda-feira.

Domingo da semana que vem, a Cobra Coral visita o Confiança e precisa ao menos repetir o espírito de luta para superar mais uma decisão.

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

O JOGO

A partida começou com as duas equipes ansiosas, principalmente o Santa Cruz por conta da maior necessidade de vencer. Sem o artilheiro Pipico, os tricolores sentiram a falta de uma referência no pelotão de frente e o substituto Guilherme Queiroz parecia sentir o peso da responsabilidade, como também a pressão da torcida.

Já os visitantes conseguiram chegar mais perto do gol de Anderson, mas erravam na conclusão das jogadas. O que mostrava um frouxidão na marcação tricolor no meio-campo e laterais. O panorama mudou a partir do segundo quarto do duelo. Aos 29 minutos, o Imperatriz teve êxito em um contra-ataque pelo lado direito. Manoel foi até a linha de fundo e tocou para Gabriel Caju abrir o placar.

Apesar do nítido nervosismo, o Tricolor do Arruda conseguiu reagir e responder à altura rapidamente. Aos 32, Dudu apareceu próximo a meia lua da grande área e foi desarmado. Só que a bola sobrou para Everton, que bateu forte e empatou.

A emoção, contudo, ficou para os minutos finais. Foi na reta final do confronto que saíram os gols que definiram a partida, em um teste para cardíaco. Primeiro o Imperatriz voltou a ficar a na frente com Matheus Lima. Parecia tudo perdido e que o Santa Cruz daria adeus cedo à briga pela classificação. Mas aí os corais demonstraram grande poder de reação para marcar gols com Vitão e com Augusto. Delírio do torcedor tricolor na Arena de Pernambuco e alívio do Santa Cruz, que permanece na luta pelo acesso à Série B do ano que vem.

FICHA DO JOGO - SANTA CRUZ 3X2 IMPERATRIZ

Santa Cruz - Anderson; Cesinha (Daniel Costa), João Victor, Vitão e Victor Lindenberg; Lucas Gonçalves, Kadu (Warley) e Everton; Jailson, Dudu e Guilherme Queiroz (Augusto). Técnico: Milton Mendes.

Imperatriz - Jean; Jonas (Valderrama), Ramon, Renan Dutra e Renan Luís; Xaves, Dos Santos e Gabriel Caju; Xavier (Matheus Lima), Lucas Campos e Manoel (Rayllan). Técnico: Paulinho Kobayashi.

Local: Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata-PE. Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR). Assistentes: Jefferson Cleiton Piva da Silva e Daniel Cotrim de Carvalho (ambos do PR). Gols: Gabriel Caju aos 29' do 1ºT, Everton aos 32' do 1ºT, Matheus Lima aos 38' do 2ºT, Vitão aos 44' do 2ºT e Augusto aos 45' do 2ºT. Cartão amarelo: Lucas Gonçalves (Santa Cruz). Público: 5.124. Renda: 52.474,60

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias