PRÉVIAS

Queirogada à Fantasia com atrações nacionais nesta quinta (12)

Luíza Possi, Fafá de Belém, Bruna Caran e Rhaíssa Bittar são alguns nomes que vão marcar presença na prévia da família Queiroga

Germana Macambira
Germana Macambira
Publicado em 12/02/2015 às 6:00
Foto: Reprodução Facebook
Luíza Possi, Fafá de Belém, Bruna Caran e Rhaíssa Bittar são alguns nomes que vão marcar presença na prévia da família Queiroga - FOTO: Foto: Reprodução Facebook
Leitura:

Um amigo ‘mais chegado’ aqui, outro acolá, e a despretensiosa reunião da família Queiroga se encheu de agregados. A solução? Sair do ‘quintal de casa’ e transformar a festa em uma das prévias mais concorridas do Carnaval do Recife. Não é para menos. A quarta edição da Queirogada à Fantasia reúne artistas locais e nacionais, além de toda a família Queiroga, anfitriões da folia que acontece hoje, na churrascaria Boi e Brasa, no Pina.

“O nome ‘à fantasia’ foi adicionado porque combinamos que todos da família iriam fantasiados. Mas os nossos amigos e convidados podem ir vestidos como quiserem”, afirmou Nena Queiroga em entrevista ao Jornal do Commercio.

Entre os convidados já confirmados para a festa estão Lucy Alves, Maestro Spok, Fafá de Belém, Rhaissa Bittar, China, Bruna Caran e a cantora Luíza Possi, que recebe por mais um ano o título de Rainha da Batucada. “Luíza é nossa parceira de algum tempo e vai ser, mais uma vez, coroada”, ressaltou Nena.

Além dos nomes que já garantiram presença, tem um sem número de outros artistas locais que costumam ‘dar uma passadinha’ pela prévia. “A Gerlane Lops, por exemplo, em meio a tantos compromissos, já ligou dizendo que vai dar um jeito e chegar na festa”, revelou Nena, irmã de Lula, Tostão, Lucky, Flávio, Mevinha e Neno Queiroga. 

O homenageado da vez é o cantor Benito de Paula, que sempre esteve no repertório da família e, dessa vez, será oficialmente lembrado. “Cantávamos os sambas do Benito, quando ainda fazíamos a Queirogada em casa”, conta Nena. 

Samba, forró, rock, brega e, é claro, muito frevo, estão na mistura de ritmos da prévia, que este ano traz a mudança de local: sai da Usina Dois Irmãos e chega a uma churrascaria, no Pina, como uma das novidades. “A maior preocupação é que o público se sinta confortável e seguro no local do evento”, ressaltou Flávia Cavalcanti, à frente da produção da festa desde a sua primeira edição.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias