saúde

Sobe para 59 os mortos pelo coronavírus MERS na Arábia Saudita

Cientistas chineses descobriram uma molécula que poderá bloquear a infecção causada por este vírus em células cultivadas em laboratório

Da AFP
Da AFP
Publicado em 29/01/2014 às 19:06
Leitura:

A Arábia Saudita anunciou nesta quarta-feira (29) a morte de uma pessoa que contraiu o coronavírus MERS, o que eleva para 59 o número de mortos por esta doença no reino. Foram registrados mais casos no país, segundo o ministério da Saúde, sem informar o número exato.

Este novo vírus, chamado de Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS, sigla em inglês), de acordo com a terminologia da Organização Mundial da Saúde, atingiu desde setembro de 2012 cerca de 180 pessoas no mundo, sendo que 77 morreram em consequência da doença, segundo a OMS.

Cientistas chineses descobriram uma molécula que poderá bloquear a infecção causada por este vírus em células cultivadas em laboratório, revelou a revista Nature. Mas ainda é preciso testar isso nos animais para saber se realmente é algo eficaz.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias