Direitos

Bélgica não fará eutanásia em estuprador em série preso há 26 anos

Estuprador pediu em várias ocasiões para se beneficiar da lei belga de 2002 que autoriza a eutanásia por causa de sofrimento psicológico

Da AFP
Da AFP
Publicado em 06/01/2015 às 11:09
Foto: VIRGINIE LEFOUR / BELGA / AFP
Estuprador pediu em várias ocasiões para se beneficiar da lei belga de 2002 que autoriza a eutanásia por causa de sofrimento psicológico - FOTO: Foto: VIRGINIE LEFOUR / BELGA / AFP
Leitura:

Os médicos do estuprador em série Frank Van Den Bleeken, preso há 26 anos, decidiram não prosseguir com o procedimento de eutanásia, que seria realizado no próximo domingo, anunciou o ministro da Justiça, Koen Geens.

Frank Van Den Bleeken, de 50 anos, pediu em várias ocasiões para se beneficiar da lei belga de 2002 que autoriza a eutanásia por causa de sofrimento psicológico.

O preso será transferido para um centro psiquiátrico especializado em Gante (oeste), segundo um comunicado de Geens.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias