Salários

Venezuela oficializa aumento de 15% no salário mínimo

O aumento do salário ocorre em um momento em que os venezuelanos se queixam de dificuldades para conseguir alguns produtos da cesta básica e dos altos preços

Da ABr
Da ABr
Publicado em 09/02/2015 às 18:33
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
O aumento do salário ocorre em um momento em que os venezuelanos se queixam de dificuldades para conseguir alguns produtos da cesta básica e dos altos preços - FOTO: Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Leitura:

A Venezuela oficializou nesta segunda (9) um aumento de 15% do salário mínimo dos venezuelanos, que passou de 4.889,11 para 5.364,67 bolívares (de R$ 2.177 para R$ 2.389). O aumento saiu em um decreto publicado na Gazeta Oficial e vale a partir de 1º de fevereiro de 2015.

As pensões dos venezuelanos passam a ter o mesmo valor que o salário mínimo nacional, enquanto os jovens adolescentes aprendizes passam a receber 4.181,34 bolívares (R$ 1.862) mensais de salário.

O aumento do salário ocorre em um momento em que os venezuelanos se queixam de dificuldades para conseguir alguns produtos da cesta básica e dos altos preços. Na Venezuela, um café custa 45 bolívares (R$ 20); uma maçã, 50 bolívares (R$ 22) e um quilo de queijo amarelo ou de presunto custa 450 bolívares (R$ 200).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias