Atentado

Afeganistão adia eleições em Kandahar após ataque talibã

As eleições, que deveriam acontecer no sábado como no resto do país, foram adiadas em uma semana

Marina Costa
Marina Costa
Publicado em 19/10/2018 às 10:56
Foto: AFP
As eleições, que deveriam acontecer no sábado como no resto do país, foram adiadas em uma semana - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

O Afeganistão adiou as eleições legislativas na província de Kandahar, após um ataque reivindicado pelos talibãs contra um edifício governamental durante uma reunião sobre segurança com funcionários do governo dos Estados Unidos.

As eleições, que deveriam acontecer no sábado como no resto do país, foram adiadas em uma semana, indicou o porta-voz do presidente afegão Ashraf Ghani.

Talibã reivindicou ataque

Os talibãs reivindicaram o ataque dessa quinta-feira (18) que matou um polêmico chefe de polícia da província de Kandahar, sul do país.

Outras duas pessoas morreram no ataque, que aconteceu dois dias antes das eleições legislativas no Afeganistão.

O general Scott Miller, comandante das forças da Otan e americanas no Afeganistão, que também participava na reunião, escapou ileso.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias