Iêmen

Novo premiê iemenita é nomeado para acabar com crise

Khalid Baha, de 49 anos, foi nomeado primeiro-ministro pelo presidente Abd Rabo Mansur Hadi

Da AFP
Da AFP
Publicado em 13/10/2014 às 11:09
Leitura:

Um ex-ministro do Petróleo foi nomeado nesta segunda-feira para formar um novo governo no Iêmen, um país à beira do caos, onde os rebeldes xiitas controlam a capital, informou a agência oficial de notícias Saba. Khalid Baha, de 49 anos, foi nomeado primeiro-ministro pelo presidente Abd Rabo Mansur Hadi, após uma reunião com seus conselheiros, que representam diferentes "famílias políticas", acrescentou a fonte.

Todos os participantes "aprovaram a nomeação" de Baha, que era até o momento embaixador do Iêmen na ONU, acrescentou a agência. O chefe de Estado já havia nomeado em 7 de outubro um primeiro-ministro, mas o mesmo foi rejeitado pelos xiitas que controlam Sanaa desde 21 de setembro.

A entrada em Sanaa desses rebeldes tornou mais difícil a transição política em curso no país depois da saída negociada em 2012 do ex-presidente Ali Abdullah Saleh, no âmbito das revoltas árabes. O Iêmen é também palco de violência, devido a grupos armados ligados à Al-Qaeda e ataques do Movimento Sudista, que luta pelo ressurgimento do Iêmen do Sul, um país independente até 1990.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias