Ataque

Página oficial do site de Dilma faz críticas a Aécio

A publicação é acompanhada de uma foto de Dilma, jovem, com a legenda ''na labuta''; a legenda da foto de Aécio é ''na mamata''

Carolina Sá Leitão
Carolina Sá Leitão
Publicado em 14/10/2014 às 19:15
Foto: Reprodução/Facebook
A publicação é acompanhada de uma foto de Dilma, jovem, com a legenda ''na labuta''; a legenda da foto de Aécio é ''na mamata'' - FOTO: Foto: Reprodução/Facebook
Leitura:

A página oficial do site da presidente Dilma Rousseff no Facebook, administrada pelo Partido dos Trabalhadores (PT), postou nesta terça-feira (14) críticas ao candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves.

"Dos 17 aos 21 anos, a hoje presidenta Dilma Rousseff resistiu à ditadura militar. Foi presa e torturada pelo governo, que contava com o apoio do deputado Aécio Cunha, da Arena, pai do candidato Aécio Neves", diz a publicação, intitulada "Vidas Cruzadas". "Já Aécio, dos 17 aos 21 anos, foi lotado como secretário parlamentar na Câmara dos Deputados, sem concurso, mesmo morando no Rio, onde frequentava praias, festas e escolas da elite."

A publicação é acompanhada de uma foto de Dilma, jovem, com a legenda "na labuta"; a legenda da foto de Aécio é "na mamata". Em um outro post, a página do site de Dilma convida os internautas para acompanhar o debate entre os presidenciáveis, que será transmitido a partir das 22h15 na TV Bandeirantes. "Mais tarde, veremos dois projetos de Brasil diferentes no debate na Band. Você prefere o País da esperança ou o País do desespero?", indaga o texto.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias