Israel

Bolsonaro e Netanyahu vão anunciar criação de escritório em Jerusalém

O espaço vai funcionar como uma promoção do comércio, investimento, tecnologia e inovação

Diogo Guedes
Diogo Guedes
Publicado em 31/03/2019 às 14:36
Foto: Agência Brasil
O espaço vai funcionar como uma promoção do comércio, investimento, tecnologia e inovação - FOTO: Foto: Agência Brasil
Leitura:

O presidente Jair Bolsonaro vai anunciar neste domingo, 31, a criação de um escritório de negócios em Jerusalém.

De acordo com o Itamaraty, parte da declaração que será lida em conjunto com o premiê israelense, Benjamin Netanyahu, estabelece um escritório brasileiro para a promoção do comércio, investimento, tecnologia e inovação.

Incialmente, o Ministério das Relações Exteriores do Brasil havia informado à imprensa que o escritório seria instalado como "parte da embaixada" do Brasil em Israel, que fica em Tel-Aviv. Minutos depois, o comunicado foi alterado sem esse trecho.

O escritório será anunciado após o presidente Jair Bolsonaro ter afirmado, durante a campanha eleitoral, que pretendia transferir a embaixada brasileira em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém, atendendo a uma demanda da bancada evangélica.

Mais cedo, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, que acompanha Bolsonaro na viagem, havia dito que não havia plano de anunciar o escritório de negócios no momento.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias