oposição

Vindas de Lula e Dilma a Pernambuco ainda incertas

Passagens do líder petista e presidente, dadas como certas neste mês, não devem se confirmar. Petistas locais informam que lideranças podem desembarcar no Estado em maio

Mariana Araújo
Mariana Araújo
Publicado em 08/04/2014 às 6:39
Leitura:

A vinda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidente Dilma Rousseff a Pernambuco, dada como certa para este mês por petistas estaduais e do pré-candidato Armando Monteiro (PTB), pode ficar para maio. De acordo com Teresa Leitão, presidente regional do PT, a presença de Lula no Estado está sendo articulada pelo dirigente nacional da sigla, Rui Falcão. Já Dilma deve comparecer para cumprir uma agenda administrativa.

“Lula disse que só viria aqui após Eduardo Campos deixar o governo. Nós temos a estratégia de caminhar com os nossos pés”, disse o deputado federal João Paulo (PT), adotando o discurso de Armando, de que a chapa não depende de padrinhos.

“Uma coisa é certa, Lula vem. Não há a possibilidade de ele não vir”, acrescentou Teresa. De acordo com a dirigente, o ex-presidente estaria primeiro cumprindo compromissos internacionais para depois se dedicar às viagens de campanha. “Acho que Dilma não vem em abril, deve ser mais adiante”, completou, sobre a agenda da presidente em Pernambuco.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias