Parceria Público-Privada

TCE-PE quer que governo apresente rescisão de contrato com Arena Pernambuco até terça

Já a gestão Paulo Câmara (PSB) pede um prazo maior: 12 de junho

Franco Benites
Franco Benites
Publicado em 03/06/2016 às 22:00
Alexandre Gondim/JC Imagem
Já a gestão Paulo Câmara (PSB) pede um prazo maior: 12 de junho - Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE), Dirceu Rodolfo, afirmou que espera receber a minuta de rescisão do contrato da Arena Pernambuco, firmado entre o Estado e a Odebrecht, até esta terça-feira. O prazo final para a entrega do documento era 29 de maio de acordo com um Termo de Ajuste de Gestão (TAG) assinado entre o governo Paulo Câmara (PSB) e o TCE-PE.

Segundo Dirceu Rodolfo, o governo pediu mais alguns dias de prazo uma vez que o fim do contrato obrigaria o Estado a ser responsável pelo jogo do Náutico realizado nesta sexta-feira (3) no estádio. “O governo não teria tempo hábil de fazer esse jogo e tive esse compreensão”, falou.

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) apresentou ao TCE-PE um pedido para que a rescisão contratual com a Odebrecht ocorresse pelo menos até 12 de junho. O entendimento é que esse é o tempo necessário para que se tomem todas as medidas relativas ao documento.

Nesta sexta-feira, o governador comentou o fato da investigação sobre um suposto superfaturamento na construção da Arena Pernambuco começar a ter ligação com a Operação Lava Jato. “Qualquer dúvida ou questão que esteja sendo investigada tem que ter todas as ferramentas necessárias e disponíveis. A gente tem muita tranquilidade em relação a esse tema”, disse.

LEIA MAIS:

Sérgio Moro autoriza provas da Lava Jato em investigação sobre Arena Pernambuco

Governo estadual se compromete a formalizar rescisão do contrato da Arena Pernambuco este mês

Arena Pernambuco: governo não cumpre acordo com TCE e não formaliza fim de contrato com Odebrecht

 

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias