eleições 2016

No Recife, candidatos tomam conta da Parada da Diversidade

João Paulo, Daniel Coelho, Edilson Silva, Carlos Augusto Costa, Simone Fontana e vários candidatos a vereador na Parada da Diversidade

Paulo Veras
Paulo Veras
Publicado em 18/09/2016 às 17:34
Foto: Marcos Oliveira/Blog de Jamildo
João Paulo, Daniel Coelho, Edilson Silva, Carlos Augusto Costa, Simone Fontana e vários candidatos a vereador na Parada da Diversidade - FOTO: Foto: Marcos Oliveira/Blog de Jamildo
Leitura:

A quinze dias do primeiro turno das eleições municipais, candidatos a prefeito e a vereador do Recife aproveitaram a 15ª Parada da Diversidade que ocorreu neste domingo (18), na Praia de Boa Viagem, para correr atrás de mais alguns votos que possam fazer a diferença na urna. O JC conseguiu identificar material de campanha de pelo menos 18 candidatos a vereador ao longo da concentração do ato, que esse ano tinha o tema "Democracia fora do armário".

"Quando eu fui prefeito, nós tivemos uma política respeitosa. A parada vivia como um gueto. Nós trouxemos aqui para a Avenida Boa Viagem no sentido de valorizar e dar uma dimensão maior. Nós tivemos diversas políticas públicas e foi um marco de quando eu fui prefeito a primeira Lei garantindo a pensão homossexual. E vamos no meu governo ter uma política radical de combate à homofobia e contra qualquer tipo de discrimação", sinalizou o ex-prefeito João Paulo (PT), que tenta voltar ao comando da Prefeitura do Recife.

Outro postulante, o deputado federal Daniel Coelho (PSDB) lembrou que há 13 anos participa da Parada e lembrou que foi o responsável pela criação do dia estadual de combate à homofobia e da Frente Parlamentar Pela Cidadania LGBT quando passou pela Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). "A principal proposta nossa para o segmento é o redirecionamento da verba de publicidade que hoje é utilizada exclusivamente para auto-promoção, nós vamos redirecionar isso para combater a cultura do estupro, a homofobia, a violência contra a comunidade LGBT", garantiu.

Leia mais sobre as eleições 2016 na cobertura do SJCC

Para o deputado estadual Edilson Silva (PSOL), que afirmou também participar do ato há vários anos, defendeu que é preciso tratar do tema do preconceito contra a diversidade sexual nas escolas. "As pessoas têm que aprender a conviver com a diversidade. Tem gente branca, tem gente preta, tem gente com o olho puxado, tem gente com deficiência, tem pessoas idosas, tem crianças. Nós temos uma diversidade humana enorme. Tem pessoas que são LGBT. E nós temos que aprender a conviver com tudo isso", pontuou.

Outro prefeiturável que também lembrou ter ido várias vezes à Parada, Carlos Augusto Costa (PV) defebdeu a criação de casas de acolhimento no município para a população LGBT e investimento em qualificação para o mercado de trabalho. "Que a gente possa criar em lugares estratégicos da cidade espaços para que essas pessoas possam ir para lá e ser acolhidas. Porque na maioria das vezes quando elas precisam, elas vão em delegacias convencionais e não conseguem o acolhimento que elas precisam ter", explicou.

Para Simone Fontana (PSTU), também é preciso investir em açõs de conscientização nas escolas para evitar que pertencer à comunidade LGBT seja sinônimo de correr risco de vida. "a gente conscientizar as crianças e os jovens tem que começar na escola. A gente acha um atraso não tem liberado o kit anti-homofobia do governo federal. E aqui no Recife a gente vê um ataque da Câmara de Vereadores querer proibir a discussão de gênero na escola. São essas coisas que atravancam e que acabam contribuindo para o assassinato e para a violência contra o LGBT", disse.

O prefeito Geraldo Julio (PSB), que concorre à reeleição, e a deputada estadual Priscila Krause (DEM) não participaram da Parada porque estavam em outras agendas de campanha no mesmo horário. Ele em um encontro com artistas na Praça da Casa Forte e ela numa caminhada no Vasco da Gama. O candidato Pantaleão (PCO) também não foi visto pelo JC na manifestação em defesa da igualdade de gênero.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias