Eleições 2016

Geraldo diz que vai tirar Av. Conde da Boa Vista do 'improviso'

Prefeito e candidato à reeleição garante que sua equipe fez estudos e que os usuários de ônibus ganharão mais tempo na via

Franco Benites
Franco Benites
Publicado em 03/10/2016 às 18:04
Andrea Rêgo Barros/Divulgação
Prefeito e candidato à reeleição garante que sua equipe fez estudos e que os usuários de ônibus ganharão mais tempo na via - FOTO: Andrea Rêgo Barros/Divulgação
Leitura:

Em entrevista ao Sistema Jornal do Commercio de Comunicação nesta segunda-feira (3), o prefeito e candidato à reeleição Geraldo Julio (PSB) criticou uma das obras mais emblemáticas da gestão João Paulo (PT): a reforma da avenida Conde da Boa Vista. A intervenção feita na via, que já havia sido alvo de críticas no primeiro turno da eleição municipal no Recife, deve ser um dos motes usados pelo socialista até o dia 30 de outubro.

"A gente fez os estudos e quer evitar improviso. O improviso deu naquilo ali e está ruim para todo mundo. Vamos fazer agora de maneira científica, estudada e técnica. A gente fez os estudos e já encontrou uma forma. Isso está sendo transformado em um projeto de engenharia. Quem está dentro do ônibus vai fazer o percurso com um terço a menos de tempo", disse.

Apesar da declaração, no primeiro turno, Geraldo foi bastante criticado por Daniel Coelho (PSDB), Edilson Silva (PSOL) e Priscila Krause (DEM) por não ter feito nenhuma intervenção na Av. Conde da Boa Vista durante o primeiro mandato. Os opositores também lembraram que o PSB, partido do prefeito, integrou a gestão João da Costa (PT) com Milton Coelho (PSB) na condição de vice-prefeito.

Os adversários de Geraldo lembraram ainda que o atual vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira (PCdoB), que está concorrendo à reeleição, integrou a gestão João Paulo no mesmo posto.

LEIA MAIS:

Daniel Coelho promete reformar Av. Conde da Boa Vista se for eleito

Priscila aborda reforma da Av. Conde da Boa Vista em debate

Edilson Silva chama Conde da Boa Vista de 'monstrengo'

Geraldo celebrou ainda a eleição de 30 vereadores ligados a seu campo político. Dessa forma, o prefeito, se for reeleito, deverá ter uma administração tranquila já que apenas nove vereadores iniciarão o mandato na oposição. "Estou feliz porque a gente elegeu 30 vereadores. É um dado importante porque fortalece para a gente governar. Estamos muito confiantes na vitória", declarou.

Ainda na entrevista, Geraldo Julio afirmou que a diferença entre sua gestão e a do PT era muito grande e por isso reforçava a confiança na reeleição. 

APOIO DO GOVERNADOR

O prefeito refutou que o governador Paulo Câmara (PSB) tenha participado pouco de sua campanha no primeiro turno. "Ele fez campanha comigo, foi às ruas comigo, participou dos atos da nossa campanha", declarou, reforçando, ainda que os ensinamentos do ex-governador Eduardo Campos, seu padrinho político, que morreu em um acidente aéreo em 2014, foram usados na campanha.

LEIA MAIS:

Geraldo: 'A diferença entre as gestões do PT e do PSB está clara'

Geraldo Julio e João Paulo disputarão segundo turno no Recife

Único petista no 2º turno, João Paulo vai pedir dinheiro ao partido

Confira os 39 vereadores eleitos na Câmara do Recife em 2016

Confira os prefeitos eleitos em Pernambuco nas eleições 2016

 

Últimas notícias