Metas

O motor da mudança da mentalidade financeira

Para ter clareza dos próximos passos, é sempre importante termos também um olhar minimamente definido para as nossas metas e objetivos

Leandro Trajano
Cadastrado por
Leandro Trajano
Publicado em 05/12/2021 às 7:00
Pixabay
Quando se tem um objetivo claro, é mais fácil se organizar financeiramente - FOTO: Pixabay
Leitura:

Hoje, trago algo que serve para todo e qualquer momento da sua vida, mas, claro, faz sempre muito sentido nesse período de fim de ano que está no ar e, naturalmente, muitas pessoas fazem uma retrospectiva de como foi o ano. Outras tantas que não fazem, poderiam fazer e, certamente, isso seria bastante benéfico também.

Olhar para trás não é de um todo ruim, é necessário, sim, equilíbrio. Imagine um carro sem os retrovisores... Mas vamos em frente, afinal não adianta estar preso ao passado, muito menos viver nas projeções e expectativas do futuro. O presente é aqui, agora, e não podemos deixar ele de lado. Hoje vivemos o que plantamos dois ou três anos atrás, por exemplo, e estamos simultaneamente plantando o que desejamos viver alguns anos adiante, por isso o presente é relevante.

Mas para ter clareza dos próximos passos, é sempre importante termos também um olhar minimamente definido para as nossas metas e objetivos, a mudança passa por aqui, e percebo frequentemente que as pessoas não observam isso, não têm esse olhar. Me refiro aqui à clareza dos seus objetivos, das suas metas. E, claro, isso é bem importante, pois a pessoa com metas se move com outro foco, com outro compromisso e direção, diferente de quem não tem isso definido. Ao longo dos anos, vejo com bastante clareza que as pessoas que não tem objetivos (detalharei isso em seguida), terminam por não fazer nada muito diferente, pois levam o dia a dia com base na sua rotina, no automático, sem novas perspectivas e nem mesmo a expectativa de algo diferente que está por vir.

Por sua vez, quando falamos das pessoas que definem seus objetivos, o ritmo é diferente, dificilmente a pessoa que está focada em comprar uma TV nova para a sua casa, em trocar o carro, fazer uma viagem, uma festa ou uma reforma, gasta por gastar. Afinal, ela não poupa por poupar, ela tem a clareza do que quer e de quanto precisa para chegar lá, e constrói isso no mês a mês, e sabe que os desvios literalmente a afastam de chegar naquele objetivo dentro do prazo planejado.

Por isso, tenha objetivos, e não falo aqui de algo macro, irreal, utópico, vale começar com os pequenos, isso ajuda, direciona e vai estabelecendo a prática. Entendendo quanto precisa poupar no mês a mês para fazer acontecer, estimula para que isso se torne uma prática, e, como disse acima, tem diversos tipos de objetivos. O objetivo varia de acordo com cada pessoa, com cada família e realidade, para alguns o objetivo pode ser limpar o nome e sair das dívidas, pode ser começar a poupar, começar ou acelerar o acúmulo do que poupa mês a mês com o foco no longo prazo, na aposentadoria, pode ser começar a investir com mais propriedade a fim de efetivamente ver os investimentos crescerem.

Apenas tenha objetivos, de curto (até dois anos), médio (entre dois e cinco anos) e de longo prazo (5, 10 anos para frente), avalie, identifique o montante necessário para atingir cada objetivo, de acordo com a sua realidade, defina quando começará a poupar para cada um e o valor necessário para essa construção. E de tempos em tempos, atualize o cenário, veja como está a sua caminhada e, se necessário, faça ajustes.

Uma coisa é a folha seca arrastada pelo vento deixando a vida a levar, outra coisa é você procurar entender as condições, a direção do vento, dos seus objetivos e se adequar, seguindo firme na luta para realizar, correr atrás. Não tenho dúvidas que com foco e objetivos, o gasto do dinheiro à toa reduz muito, e as possibilidades do consumo ser mais consciente, os impulsos mais contidos e as conquistas chegarem são muito maiores.

Comece já, não deixe para depois, como trouxe no começo, isso serve para qualquer momento da sua vida, mas o fim do ano é muito mais propício para essa adequação e foco, pensando em começar um ano novo realmente diferente.

Vamos juntos!!!

Abraço e até a próxima!

Comentários

Últimas notícias