ELEIÇÕES 2022

Sem formar chapa, Danilo Cabral foca em se aproximar do Plano Retomada, com Paulo Câmara

Pré-candidato do PSB ao Governo de Pernambuco, sem definições de chapa, acompanha o governador para impulsionar sua pré-campanha

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 15/03/2022 às 9:06 | Atualizado em 15/03/2022 às 16:59
Foto: Diego Nigro/Arquivo JC Imagem
O deputado pernambucano Danilo Cabral é cotado para assumir a liderança do PSB na Câmara dos Deputados, mas Alessandro Molón também está na disputa - FOTO: Foto: Diego Nigro/Arquivo JC Imagem
Leitura:

Sem vice e sem candidato ao Senado definidos na sua chapa, observa-se uma presença cada vez mais contundente de Danilo Cabral (PSB) nas ações do governador Paulo Câmara (PSB) envolvendo o Plano Retomada. O pré-candidato ao Governo de Pernambuco está com o gestor aliado nesta terça-feira, 15 de março, pelo interior pernambucano.

Dessa forma, espera-se que o nome do pré-candidato ao Governo de Pernambuco seja impulsionado pela sua presença nos anúncios de novos investimentos do plano de recuperação econômica. Agora, Danilo Cabral estará ao lado do governador no Agreste e na Zona da Mata.

O movimento, interpreta-se nos bastidores da política, visa fazer o nome de Danilo Cabral rodar pelo estado. Enxerga-se que uma das dificuldades mais urgentes do pré-candidato é a definição dos nomes que o acompanharão na chapa majoritária da Frente Popular.

PALÁCIO DOA CAMPO DAS PRINCESAS
NO PALÁCIO Pré-candidato, Danilo Cabral já tem papel central em agendas do governador Paulo Câmara - PALÁCIO DOA CAMPO DAS PRINCESAS

Pela manhã, Paulo Câmara estará em Feira Nova, no Agreste pernambucano, onde visita as ações do Governo Presente e realiza anúncios nas áreas de assistência e desenvolvimento social, abastecimento de água, infraestrutura, geração de empregos, desenvolvimento urbano e educação.

Por volta das 11h, Paulo Câmara e sua comitiva devem chegar a Lagoa de Itaenga e, às 12h, em Chã de Alegria, municípios da Zona da Mata de Pernambuco. Lá, o governador deve fazer anúncios nas áreas de assistência e desenvolvimento social, desenvolvimento urbano, esportes, educação, infraestrutura e abastecimento de água.

Indefinições do PT e PSB na Frente Popular

De acordo com informações dos bastidores da polícia local, o PSB não vê com bons olhos a demora do PT para definir o nome indicado ao Senado. Três nomes concorrem: o deputado federal Carlos Veras, a deputada federal Marília Arraes e a deputada estadual Teresa Leitão.

Como a coluna já noticiou, Marília Arraes está fora da disputa no PT por uma rejeição que parte do PSB, deixando Carlos Veras como nome favorito a ser indicado pelo partido à vaga. Outros partidos da Frente Popular, porém, pedem a vaga e os socialistas precisam desatar esse "nó".

Comentários

Últimas notícias