CÂMARA MUNICIPAL

Confirmado: vereador do Recife anula projeto para homenagem a Bolsonaro

Conforme a coluna adiantou, vereador entrou com pedido para anular projeto para homenagear o presidente Jair Bolsonaro (PL) no Recife

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 04/07/2022 às 19:11 | Atualizado em 04/07/2022 às 19:17
GUGA MATOS/JC IMAGEM
Bolsonaro no Pátio do Forró de Caruaru, no dia 23 de junho - FOTO: GUGA MATOS/JC IMAGEM
Leitura:

Conforme a coluna adiantou na sexta-feira (1), Dilson Batista (Avante) entrou nesta segunda-feira (5) com pedido para anular Projeto de Decreto Legislativo nº 31/2022. O texto previa a entrega da maior honraria da Câmara Municipal do Recife a Jair Bolsonaro.

O documento oficial assinado por Dilson Batista foi obtido pela coluna (620kb). Nele, o vereador pede ao presidente da Câmara, Romerinho Jatobá (PSB), a nulidade do projeto, que previa entrega da Medalha José Mariano ao presidente da República. A movimentação acontece após o parlamentar alegar necessidade de fidelidade partidária.

O Avante, seu partido, migrou para a base de Marília Arraes (SD), pré-candidata ao Governo de Pernambuco e apoiadora de Lula (PT). O PT e o PSB de Danilo Cabral usaram o projeto para associar a adversária ao bolsonarismo.

Tiago Calazans
O vereador Dilson Batista é um dos representantes do bolsonarismo na Câmara Municipal de Vereadores do Recife - Tiago Calazans

Outros dois textos, de número 34/2022 e 33/2022 foram protocolados pela vereadora Michele Collins (PP), pré-candidata a deputada federal. Eles, respectivamente, oferecem a mesma medalha à primeira-dama Michele Bolsonaro e ao ministro Ciro Nogueira (PP-PI).

A matéria sobre a primeira-dama segue para votação já nesta terça-feira (5). Já o texto sobre o senador, líder do chamado 'centrão', só deve ser votado em agosto.

Comentários

Últimas notícias