Eleições 2024

TCE multa deputado estadual Mário Ricardo

Deputado é pré-candidato a prefeito de Igarassu

Imagem do autor
Cadastrado por

Jamildo Melo

Publicado em 02/04/2024 às 15:10 | Atualizado em 02/04/2024 às 15:12
Notícia
X

Sem alarde, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) julgou irregular a gestão fiscal do ex-prefeito de Igarassu, Mário Ricardo (Republicanos).

Mário Ricardo é deputado estadual e também pré-candidato a prefeito de Igarassu, cidade que já governou por dois mandatos, entre 2013 e 2020.

Segundo o processo no TCE, a Prefeitura de Igarassu "não adotou as medidas necessárias para a redução do excedente da Despesa Total com Pessoal no prazo estabelecido pela Lei Complementar Federal 101/2000".

"Os percentuais de extrapolação verificados em cada quadrimestre ficaram acima de dois pontos percentuais, superando o patamar máximo de 54% consentido pela LRF", informou o julgamento.

O processo mencionou, sobre a gestão de Mário Ricardo, os "danos presumivelmente causados à Administração, aferidos a partir do percentual de extrapolação do limite da despesa total com pessoal".

O TCE decidiu multar o ex-prefeito em R$ 33.604,98. Mário Ricardo ainda pode recorrer, no próprio TCE. Fica aberto o espaço ao ex-prefeito, caso queira apresentar informações.

Tags

Autor