Prioridade tem que ser o transporte público. Chega de promessas midiáticas

Publicado em 19/03/2013 às 17:03
Leitura:
    Enquanto o poder público faz promessas, passageiros se espremem no transporte público, especialmente nos Terminais Integrados. Foto: Guga Mattos/JC Imagem Enquanto o poder público faz promessas, passageiros se espremem no transporte público, especialmente nos terminais integrados. Foto: Guga Mattos/JC Imagem Por Fernando Castilho, da Coluna JC Negócios Com todo respeito que merecem os ciclistas, mas o governo de Pernambuco e Prefeitura do Recife erram quando atribuem ao usuário da bicicleta prioridade que ele não tem, especialmente se comparado aos principais meios de transporte de massa. Não porque ele não seja importante, mas por que nem o Estado, nem a Prefeitura do Recife possuem, hoje, informações consistentes como um estudo de demanda sério ou fluxo real do ciclista na região metropolitana. Ou mesmo um perfil do trabalhador que, de fato, usa a bicicleta para ir trabalhar. É importante advertir: isso não torna o ciclista menos importante no trânsito. Mas é preciso não esquecer que se alguma prioridade tiver quer ser dada ao transporte de massa, ela tem que começar pelo usuário de ônibus e do metrô. Juntos, eles transportam dois milhões de pessoas por dia e, portanto, devem ser o foco das decisões estratégicas que até agora não saíram do papel, das promessas e das obras inconclusas. É importante ter ciclofaixas? É! Mas é mais importante dar prioridade ao ônibus. É importante prestigiar quem usa a bicicleta para ir ao trabalho? É! Mas é estratégico que prefeitura e Estado cuidem de gerenciar melhor o Sistema de Transporte Público de Passageiros para que a cidade deixe de ser, por exemplo, um estacionamento gratuito onde o ônibus roda em baixa velocidade porque no corredor tem uma fila de carros que desmoralizou até a faixa amarela. Portanto, é preciso dosar certo as prioridades. Passageiro e ciclista, na verdade, são hoje vítimas da falta de respeito do carro que, na prática, virou a prioridade um da cidade.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias