INSEGURANÇA

Após tumulto, 41 adolescentes fogem da Funase de Vitória de Santo Antão

Socioeducandos atearam fogo em objetos para dificultar trabalho dos agentes e fugiram da unidade

Raphael Guerra
Cadastrado por
Raphael Guerra
Publicado em 07/07/2021 às 17:39 | Atualizado em 08/07/2021 às 10:28
Diego Nigro/JC Imagem
Fuga dos adolescentes ocorreu nesta quarta-feira (07) - FOTO: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

Atualizada às 21h05

A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) confirmou, na tarde desta quarta-feira (7), um tumulto seguido da fuga de 41 internos no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco. Segundo a direção, a evasão ocorreu por meio de depredações ao muro da unidade. Até agora, 20 foram recapturados. 

Em nota, a Funase relatou que "os socioeducandos atearam fogo a objetos para dificultar a ação de agentes socioeducativos. A equipe do Case Vitória conseguiu resguardar a vida de um grupo de adolescentes que estava em uma ala destinada a internos sob ameaça. Não houve registro de feridos".

A Polícia Militar foi acionada e faz buscas na região.

As Coordenadorias de Segurança e Inteligência da Funase também monitoram o caso.

A Funase informou ainda que "já está fazendo o levantamento de danos ao patrimônio público para restabelecer o uso das estruturas danificadas no período mais breve possível".

A instituição também ressalta que, no Case Vitória, há um efetivo de 83 agentes socioeducativos divididos por plantões, número que cumpre a proporção de segurança definida pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase).

A unidade dispõe de 21 câmeras de monitoramento, que serão averiguadas no processo de investigação interna do ocorrido. A apuração será feita pela Corregedoria da Funase.

Comentários

Últimas notícias