ANÁLISE

Pernambuco tem semana com maior média móvel de óbitos por covid-19 de 2021

Indicativo - considerado o melhor jeito de medir o comportamento da pandemia - ficou em 74 nesta segunda-feira (3), uma alta de 26% em relação ao número de 14 dias atrás

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 03/05/2021 às 12:39
Notícia
ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL
Também foram confirmados mais 960 casos do novo coronavírus - FOTO: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL
Leitura:

Os últimos dias em Pernambuco alcançaram uma marca triste: formaram a semana com as maiores médias móveis de óbitos por covid-19 de 2021. Com a confirmação pela Secretaria de Saúde do Estado de mais 26 mortes registradas pela doença nesta segunda-feira (3), o indicativo - considerado o melhor jeito de medir o comportamento da pandemia - fica em 74, uma alta de 26% em relação ao número de 14 dias atrás.

Entre o dia 27 de abril e este 3 de maio, a média móvel de óbitos variou entre 64 e 80, com variações entre 0% e 36%. As mortes registradas nesta segunda (3) ocorreram entre 9 de junho de 2020 e 1º de maio de 2021. Com isso, o Estado totaliza 14.206 mortes pelo novo coronavírus.

A média móvel contabiliza a média dos últimos sete dias (contando com hoje) e compara com a de duas semanas atrás. Variações acima de 15%, seja para mais ou menos, indicam tendência de alta ou queda, respectivamente. Já abaixo disso, indica estabilidade.

Foi o que aconteceu com a média móvel de casos nesta segunda (3). Com a confirmação de mais 960 casos, o indicativo ficou em 1.945 e teve variação de 3%, apresentando estabilidade. Dos novos casos, 147 (15%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 813 (85%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 410.453 casos confirmados da doença, sendo 40.680 graves e 369.773 leves.

Comentários

Últimas notícias