APOIO

Datafolha: 79% dos brasileiros são favoráveis à vacinação de crianças contra a covid-19

Num recorte do Nordeste, a região registra 78% da população à favor da vacinação de crianças contra a covid-19

JC
JC
Publicado em 17/01/2022 às 9:03
Nome: Cristopher Apolinário - 07 anos
Nome: Cristopher Apolinário - 07 anos
Leitura:

Pesquisa do instituto Datafolha, publicada nesta segunda-feira (17) pela Folha de São Paulo, aponta que 79% da população brasileira com 16 anos ou mais é favorável à vacinação de crianças, dos cinco aos 11 anos, contra a covid-19. O percentual equivale a 132,5 milhões de pessoas. 

A esse brasileiros, fora perguntado: Na sua opinião, crianças de 5 a 11 anos deveriam ou não ser vacinadas contra a covid?

Os que não sabem opinar são 4%. Já os que são contra, 17%. A pesquisa ouviu 2.023 pessoas entre os dias 11 e 12 de janeiro, por telefone. Num recorte do Nordeste, a região registra 78% da população à favor da vacinação de crianças contra a covid-19; com 18%, contra. 

Avanço

Balanço da Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) mostra que, neste fim de semana, foram vacinadas contra a covid 153 crianças, entre 5 e 11 anos, que têm doenças neurológicas crônicas e/ou distúrbios do desenvolvimento neurológico. A Sesau informa que outras 486 crianças estão agendadas, até o momento, para receber a primeira dose pediátrica ao longo desta semana.

Para a vacinação desse público, foram montados centros de vacinação exclusivos na sede do Sest/Senat, no Porto da Madeira, Zona Norte; na UFPE, na Cidade Universitária, na Zona Oeste; na Faculdade Universo, na Imbiribeira, Zona Sul; e Unicap, na Boa Vista, Centro do Recife. O imunizante utilizado é o da Pfizer, o único aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) até agora para o público infantil.

Na capital pernambucana, as primeiras crianças foram vacinadas contra a covid-19 na última sexta-feira (14). O Recife recebeu inicialmente 7.500 doses do primeiro lote enviado pelo Ministério da Saúde. O imunizante para esse público é aplicado de domingo a domingo, das 7h30 às 18h30. É necessário fazer o agendamento pelo site (conectarecife.recife.pe.gov.br) ou aplicativo do Conecta Recife, em centros exclusivos voltados para a vacinação de crianças.

Para comprovar a condição de comorbidade, é obrigatório anexar, durante o agendamento, um laudo ou declaração informando a comorbidade. Nesse primeiro momento, será aceita - como documento comprobatório de comorbidade ou transtornos do desenvolvimento - uma declaração, em modelo fornecido pela Secretaria de Saúde do Recife (disponível no Conecta Recife), que deve ser preenchida e assinada por médico, ou laudo médico que contenha uma das comorbidades e/ou transtornos elencados com o respectivo CID (Classificação Internacional de Doenças) da doença/condição.

 

Comentários

Últimas notícias