Filipe Toledo é recordista em Bali

Publicado em 14/05/2019 às 13:57
NE10
FOTO: NE10
Leitura:
Filipe Toledo. Foto: Matt Dunbar/WSL Filipinho fez os recordes do Corona Bali Protected e se classificou direto para a terceira fase onde enfrentará o conterrâneo Caio Ibelli em Keramas. “Os aéreos são manobras de alto risco que exigem muito treinamento”, disse Filipe Toledo. “Eu cresci assistindo os melhores especialistas em aéreos junto com meu irmão, então tive muita inspiração nesses caras para trabalhar duro, até conseguir fazer também. Eu adoro combinações assim, como uma grande curva para mandar os aéreos, ou um tubo seguido por outra manobra e as ondas de Keramas são boas para isso. Eu fiquei feliz em encontrar aquela seção lá fora para mandar o aéreo, que realmente foi bem alto”. Filipe Toledo Foto: Matt Dunbar/WSL Nove dos treze brasileiros passaram direto para a terceira fase na etapa do WSL Championship Tour na Indonésia. O terceiro desafio do World Surf League Championship Tour 2019 começou logo no primeiro dia do seu prazo, que vai até 25 de maio na Indonésia. Em ondas de 3-4 pés, com boas condições para manobras de borda e aéreas Toledo fez os recordes do primeiro dia. Gabriel Medina Foto: Matt Dunbar/WSL O bicampeão mundial Gabriel Medina também se classificou em segundo lugar na sua bateria atrás do convidado da Indonésia, Rio Waida, numa bateria fraca de ondas. Quem também saiu classificado desta primeira fase foram o paranaense Peterson Crisanto , o paulista Caio Ibelli , o potiguar Italo Ferreira, o cearense Michael Rodrigues e o também potiguar Jadson André. Caio Ibelli. Foto: Matt Dunbar/WSL Destaque especial para a bateria do cearense Michael Rodrigues passou junto com o bicampeão mundial John John Florence, que está competindo com a lycra amarela de número 1 do Jeep Leaderboard na Indonésia. Italo Ferreira. Foto: Matt Dunbar/WSL Ítalo Ferreira que defende o título do campeonato falou: “Estou muito feliz por estar de volta aqui a Keramas e começar o campeonato com vitória é muito bom”. Eu acabei machucando o tornozelo na semana passada e fiquei um pouco preocupado para surfar neste evento, mas me senti bem. Eu só não pude arriscar muito os aéreos, mas as ondas estavam bem divertidas hoje (segunda-feira) para fazer manobras de borda e já estou ansioso para disputar minha próxima bateria aqui em Keramas”. Veja a bateria do 11x campeão mundial Kelly Slater e a manobra que deu o que falar onde ele faz uma curva ao contrário da curva do Cut-back bate na espuma contrária e volta perfeitamente executando um giro completo. Manobra já usada em outros momentos do Tour mas nunca feita com essa qualidade em uma bateria tão importante.
A próxima chamada para início das competições será hoje, 14/5, as 19:30h...e...acompanhe por aqui no BLOG DO SURFE !

Últimas notícias