Dicas e informações de viagens, férias e turismo
Turismo de Valor

Descubra dicas de viagem e roteiros para as férias, além dos destinos e atrações que estão em alta no turismo.

CORES E SABORES

Jaboatão: o radical voo de paramotor em Barra de Jangada

O voo panorâmico passa pelas praias da área, além do Rio Jaboatão e a Ilha do Amor

Leonardo Vasconcelos
Cadastrado por
Leonardo Vasconcelos
Publicado em 04/10/2021 às 7:30 | Atualizado em 04/10/2021 às 12:19
TV Jornal / Divulgação
O voo de paramotor parte da praia de Barra de Jangada e passa por boa parte da orla, inclusive as piscinas naturais de Candeias. - FOTO: TV Jornal / Divulgação
Leitura:

Que tal curtir a beleza da orla de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, do céu, voando em um paramotor? É isto o que oferece a turma do Paramotor Pernambuco que tem uma “base aérea” montada na praia de Barra de Jangada. A atividade foi mostrada no Programa Cores e Sabores de Jaboatão, que foi ao ar no último sábado na TV Jornal.

No local, é possível voar todos os dias, dependendo, claro, das condições climáticas e do vento. O voo panorâmico passa pelas praias da área, além do Rio Jaboatão e a Ilha do Amor. Quem apresentou as belezas da cidade de cima foi o conhecido Lima Voador.

Antes, ele explicou o equipamento utilizado e a segurança que ele proporciona. “Nós usamos um motor monocilíndrico conduzido por combustível e óleo de dois tempos. Aí muita gente pergunta: E se o motor parar? A razão de planeio da asa é muito grande e voamos em um cone de segurança em uma razão de dez por um. Ou seja, a cada dez metros, desce um. E a gente só voa em condições perfeitas de tempo, não voamos em ventos turbulentos ou na chuva”, detalhou Lima.

No dia da reportagem, quem foi realizar o sonho de voar foi a cozinheira Jennifer Cahsteli. “Eu estava bem nervosa, confesso. Foi um grande desafio pra mim porque sempre tive medo de altura, mas vim pra encará-lo. Mas na hora que cheguei lá em cima, o medo acabou na hora, não imaginava que Jaboatão fosse tão maravilhoso. As piscinas naturais de Candeias me surpreenderam, não sabia que existiam e elas são muito bonitas”, afirmou Jennifer.

Para Lima Voador, mais que um trabalho, ele encara o que faz como um verdadeiro privilégio. “Ao longo de toda minha infância e adolescência eu sempre tive esse sonho de voar e hoje, graças a Deus, eu estou conseguindo realizar o sonho das pessoas”, resumiu o instrutor.

A equipe de reportagem, claro, também experimentou o paramotor e viu que a atividade é feita de forma bem tranquila e profissional. Do alto é possível ter uma visão totalmente nova e realmente surpreendente da orla da cidade, principalmente da área das piscinas naturais. O voo custa R$250 e dura em média 20 minutos.

Comentários

Últimas notícias