CARNAVAL 2022

Vai ter Carnaval em 2022? Daniela Mercury não participará de festas de rua no próximo ano

De acordo com a artista, o cenário da pandemia ainda é incerto para realização das festividades

Do jornal Correio para a Rede Nordeste Bruno Vinicius
Do jornal Correio para a Rede Nordeste
Bruno Vinicius
Publicado em 03/12/2021 às 15:13
Notícia
CÉLIA SANTOS/DIVULGAÇÃO
Daniela Mercury cancela participação em festejos do Carnaval 2022 - FOTO: CÉLIA SANTOS/DIVULGAÇÃO
Leitura:

Um dos ícones do Carnaval de Salvador, a cantora Daniela Mercury disse que não participará da Festa do Momo, em 2022, mesmo que ele aconteça na rua. De acordo com a artista, o cenário da pandemia ainda é incerto para realização das festividades. 

"Sinto muito em anunciar isso, mas avaliamos bem a situação e chegamos à conclusão que o cenário é muito incerto. Já estou considerando que, na Bahia, o governo e a prefeitura não vão realizar o carnaval 2022, mesmo ainda não havendo anúncio oficial. E, apesar de estar mantido o carnaval de São Paulo, e o Pipoca da Rainha ser tão tradicional na folia paulistana, infelizmente não desfilarei em 2022", comentou na sua nota.

Ela ressaltou que o momento ainda não é de tranquilidade e, que só participará de eventos que estão com controle e seguindo os protocolos sanitários.

INCERTEZAS

"Se for mantida a liberação das autoridades sanitárias, tentaremos, na medida do possível, realizar shows e eventos durante todo o verão, sempre com limitação de público e com a exigência das duas doses da vacina. Além disso, continuo estimulando meus fãs e todos os brasileiros a usarem máscara. O momento ainda não é de plena tranquilidade, mesmo com as vacinas salvando milhares de vidas", apontou Mercury.

RÉVEILLON EM SALVADOR

Na segunda-feira (29), o prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), anunciou n que não haverá festa de Réveillon na capital baiana. A decisão foi tomada com base no cenário de incertezas provocado neste momento pela covid-19, com o surgimento de nova variante mesmo com o avanço da vacinação contra a doença, já que o evento reúne cerca de 250 mil pessoas por dia. As informações são do jornal Correio.

Sobre o Carnaval, nem o estado nem a capital baiana confirmaram a realização dos festejos. 

Comentários

Últimas notícias