JÔ SOARES

JÔ SOARES: como foi o último programa na Globo? Qual a última entrevista? Confira

Jô Soares se despediu do "Programa do Jô", onde passou 16 anos, em dezembro de 2021

Emannuel Bento
Cadastrado por
Emannuel Bento
Publicado em 05/08/2022 às 9:58 | Atualizado em 05/08/2022 às 16:56
GLOBO/REPRODUÇÃO
Jô Soares morreu aos 84 anos - FOTO: GLOBO/REPRODUÇÃO
Leitura:

A morte de Jô Soares, confirmada nesta sexta-feira (5), pegou de surpresa gerações de fãs no Brasil. Muitos já resgataram trechos favoritos de entrevistas do "Programa do Jô", comandado pelo artista na Globo de 2000 até dezembro de 2016.

O último episódio do "Programa do Jô" teve participação do cartunista Ziraldo, que ao longo dos anos foi o convidado que mais deu entrevistas para Jô Soares - um total de 24.

"É muito difícil descrever essa emoção. Esse cara terminar essa fase da vida e lembrar desse amigo puxa-saco", disse o cartunista de 84 anos. Jô Soares vestiu um terno branco e começou o programa com uma piada: "Estamos estreando", disse.

Ele entrou para a última de suas 14.426 entrevistas ao som de "Smoke on the water", do Deep Purple. Junto ao Quarteto, o músico Tomate, ex-integrante da banda, como convidado especial.

GLOBO/REPRODUÇÃO
TELEVISÃO Jô Soares em seu último programa na TV Globo - GLOBO/REPRODUÇÃO

Na introdução, o apresentador agradeceu a Max Nunes, redator de humor com quem trabalhou durante décadas e que morreu em 2014. Também agraeceu ao apresentador Silvio Santos, dono do SBT, onde começou o talk show. "Graças a ele eu tive a oportunidade de fazer esse programa".

Na plateia, convidados do humorista, da equipe do programa e da emissora. Entre os diretores presentes estavam Carlos Henrique Schroder, diretor-geral da Globo; Ricardo Waddington, diretor de Entretenimento, e Gilberto Leifert, o diretor comercial.

No último bloco, para encerrar o programa, Jô Soares homenageou Roberto Marinho com a exibição de uma entrevista com o jornalista realizada em 2000, na sua volta à emissora.

No fim, agradeceu também às figuras anônimas que entrevistou e à plateia. "Essas entrevistas modificaram a vida deles e também a minha. E sem plateia eu não existo", finalizou, emocionado.

Comentários

Últimas notícias