COVID-19

IJCPM distribui cartões-alimentação para jovens da Zona Sul da capital

Ao todo, 800 jovens atendidos pelo IJCPM receberão o benefício

Amanda Rainheri
Amanda Rainheri
Publicado em 30/04/2020 às 17:00
Notícia
DIVULGAÇÃO/ IJCPM
Serão distribuídos 800 cartões alimentação - FOTO: DIVULGAÇÃO/ IJCPM
Leitura:

Com o objetivo de atender as comunidades do Pina e Brasília Teimosa, na Zona Sul da capital, em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19), o Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) está distribuindo cartões-alimentação aos jovens matriculados nos cursos da instituição e outros moradores em situação de vulnerabilidade social. O benefício é destinado para a aquisição de cestas básicas nas próprias comunidades. Moradores dos dois bairros também estão recebendo do instituto Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para evitar a disseminação da doença. 

>> Acompanhe as últimas notícias sobre o novo coronavírus

>> Pernambuco prorroga decreto de medidas restritivas por coronavírus; veja o que segue fechado

>> "Estamos num momento crítico do distanciamento social", diz cientista do Consórcio Nordeste

Ao todo, serão distribuídos 820 cartões no valor de R$ 100, além de quatro máscaras de uso pessoal por família. O atendimento aconteceu nessa quarta (29) e quinta-feira (30) no estacionamento do RioMar, ao lado da unidade do IJCPM, seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), como uso de máscaras e de álcool em gel para higienização das mãos. A partir de agora, o contato com as famílias segue sendo realizado por telefone para a entrega do cartão. 

"Primeiro definimos que iríamos atender as famílias dos alunos que desenvolvemos trabalhos ao longo do ano, mas depois ampliamos, passando a definir áreas de carência, chegando perto de outras famílias desassistidas do Pina e Brasília Teimosa", explica a diretora de Desenvolvimento Social e de Relações Institucionais do Grupo JCPM Lúcia Pontes. 

Somando com os demais Estados com unidades do IJCPM (Bahia, Ceará e Sergipe), serão 1.950 beneficiados e um investimento de quase R$ 200 mil neste mês de abril. 

DIVULGAÇÃO/ IJCPM
Instituto distribui 800 cartões-alimentação para alunos dos cursos - DIVULGAÇÃO/ IJCPM
DIVULGAÇÃO/ IJCPM
Instituto distribui 800 cartões-alimentação para alunos dos cursos - DIVULGAÇÃO/ IJCPM
DIVULGAÇÃO/ IJCPM
Serão distribuídos 800 cartões alimentação - DIVULGAÇÃO/ IJCPM

A distribuição de alimentos e das máscaras é uma das ações sociais que o Grupo JCPM, através do IJCPM, vem fazendo para amenizar os efeitos do coronavírus, sobretudo nas famílias de baixa renda. Já foram empenhados R$ 2 milhões na intensificação de iniciativas sociais, além de atuar em frentes que visam disseminar informações.

Pessoas que estavam enfrentando dificuldade para se inscrever no Programa do Governo Federal - cujo processo é todo digital - também puderam contar com atendimento presencial, na sede do IJCPM Recife, preencher o cadastro e tirar as principais dúvidas. "Realizamos essa ação após percebemos que nem todo mundo tinha acesso a internet para fazer o cadastramento", justificou Lúcia Pontes. Cerca de 300 pessoas foram atendidas.

Além dessas ações, o IJCPM tem apoiado a pesquisa, feito doações de respiradores e cestas básicas para instituições que atuam em comunidades carentes, somando quase 50 toneladas de alimentos doados. O instituto também tem auxiliado com verbas para reabertura do Hospital Alfa, adquirido administrativamente pelo Governo de Pernambuco para abertura de leitos de UTI e retaguarda para pacientes com sintomas ou diagnóstico confirmado do novo coronavírus.  

Assine a nova newsletter do JC e fique bem informado sobre o coronavírus

Todos os dias, de domingo a domingo, sempre às 20h, o Jornal do Commercio divulga uma nova newsletter diretamente para o seu email sobre os assuntos mais atualizados do coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo. E como faço para receber? É simples. Os interessados podem assinar esta e outras newsletters através do link jc.com.br/newsletter ou no box localizado no final das matérias.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
- Evitar contato próximo com pessoas doentes.
- Ficar em casa quando estiver doente.
- Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
- Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).
- Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias