NOVIDADE

Gol lança check-in por WhatsApp

Clientes da companhia aérea poderão obter informações sobre como gerenciar seus voos

Thalis Araújo
Thalis Araújo
Publicado em 15/07/2020 às 22:48
Notícia
REPRODUÇÃO
Recurso estará disponível a partir desta sexta-feira (17) - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

Clientes da Gol Linhas Aéreas já contam com um novo recurso para suas viagens. É o check-in pelo WhatsApp, que será realizado por um fluxo simplificado, orientado pela GAL, assistente virtual da companhia, diretamente no aplicativo. Assim, os passageiros terão uma alternativa digital de autoatendimento. Antes, o serviço era disponível apenas no site ou aplicativo da Gol (disponível nas lojas virtuais da Apple e do Google). Os usuários também poderão utilizar o serviço para obter informações sobre como gerenciar seus voos.

Nesta fase inicial, o acesso será disponibilizado com comunicações personalizadas para clientes selecionados com viagens próximas, que ainda não realizaram o check-in, colaborando para evitar aglomerações nos aeroportos, o que evita possíveis contágios pelo novo coronavírus, que já fez milhões de vítimas ao redor do mundo.

As novas medidas de segurança nos aeroportos aumentam também o tempo de deslocamento interno. Assim, a Gol reforça a solicitação aos clientes para que façam o check-in online, que está liberado desde 1º de julho, com 48 horas de antecedência (até o limite de 1 hora) antes do voo.

Caso o cliente precise ir ao balcão, inclusive para despachar a sua mala, a empresa antecipou a liberação ao passageiro para três horas antes do embarque, encerrando o processo uma hora antes da abertura do portão.

Medidas de combate ao coronavírus

Durante a pandemia da covid-19, a Gol ressalta que todos os procedimentos regulares foram reforçados, além dos rígidos padrões de sanitização da aviação civil estabelecidos pelos órgãos responsáveis, alinhados com as recomendações da Organização da Aviação Civil Internacional (OACI), Organização Mundial da Saúde (OMS), Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Tudo sobre a covid-19

» Saiba tudo sobre o novo coronavírus

» Estou com sintomas de coronavírus. O que fazer?

» Especialistas alertam sobre sintomas menos comuns do coronavírus

» Veja o que se sabe sobre a cloroquina e a hidroxicloroquina no combate ao coronavírus

» Veja locais do Recife que atendem pessoas com sintomas leves do novo coronavírus

» Vacina brasileira para o coronavírus entra em fase de testes em animais

» OMS esclarece que assintomáticos transmitem coronavírus: 'Questão é saber quanto'

Desde o dia 10 de maio, a Gol solicitou o uso de máscaras por todos os clientes nos voos em operação. A empresa tem como base para essa medida as informações científicas referentes à pandemia.Também foram implementadas medidas adicionais de limpeza e higienização dos aviões durante as paradas em solo e pernoites, com atenção redobrada aos assentos e os braços das poltronas, cintos de segurança, bandejas, piso e paredes.

Limpeza noturna

Foi aprimorado o processo de limpeza noturna com o uso de um desinfetante de grau hospitalar para as galerias de serviço e todas as áreas de uso interno na cabine, incluindo a dos pilotos. Luvas e máscaras já vinham sendo distribuídas aos colaboradores de ar e solo, além de a companhia deixar à disposição álcool em gel para todos.

Segundo a Gol, suas aeronaves são equipadas com um sistema de filtro de ar HEPA, que captura de 99,9% de partículas microscópicas, como bactérias e vírus, ao promover a renovação do ar do avião a cada três minutos, permitindo a circulação de um ar sempre mais puro.

Desde início de junho, a companhia vem retomando, gradualmente, o serviço de bordo, com snacks (entregues no desembarque) e água sob demanda ao longo de todo o voo. Tudo devidamente higienizado, garantindo a segurança de todos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias