APRENDIZADO

Cursos gratuitos ajudam empreendedor a enfrentar crise com capacitação em casa

Com chegada da pandemia, os negócios precisaram se adaptar para reduzir os impactos, e uma das maneiras de buscar soluções tem sido a busca por conhecimento

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 07/08/2020 às 10:42
Notícia
MARCELO APRÍGIO/JC
Sebrae Pernambuco registrou um aumento superior a 300% em cursos oferecidos a micro e pequenos empresários - FOTO: MARCELO APRÍGIO/JC
Leitura:

Para sobreviver à pandemia do novo coronavírus, os negócios precisam se adaptar para reduzir os impactos, e uma das maneiras de buscar soluções é por meio do conhecimento. Cursos diversos de diferentes temas abundam na internet e entre eles estão iniciativas voltadas à profissionalização dos pequenos empreendedores. Além de instituições e universidades, como Sebrae e Fundação Getúlio Vargas (FGV), que oferecem constantemente cursos para aprimoramento de negócios, outras iniciativas nasceram por conta da crise gerada pela covid-19.

» Com chegada do coronavírus, empresas inovam no treinamentos e educação corporativa

Esse movimento segue o crescimento da procura por aulas virtuais. Para se ter uma ideia disso, desde o início da pandemia, em março, o Sebrae Pernambuco registrou um aumento superior a 300% em cursos oferecidos a micro e pequenos empresários. “As maiores demandas foram os cursos relacionados a marketing e vendas online”, conta o gerente de Laboratório de Estratégias Digitais de Negócios, Thiago Suruagy, lembrando que para se inscrever em um dos cursos é preciso acessar o site loja.pe.sebrae.com.br.

» Instituto TIM vai financiar ideias inovadoras de universitários para enfrentar efeitos da pandemia

Uma das pessoas que foram atrás da ajuda do Sebrae foi a empreendedora Carolina Ramos, 27 anos, dona do K&K Bazar e Brechó, cuja principal forma de vendas era presencialmente ou visitando os clientes em suas casas. No entanto, com a chegada pandemia, a loja precisou fechar as portas e as visitas foram suspensas. Sem uma perspectiva de retorno, a proprietária do estabelecimento, chegou a pensar em encerrar o negócio, e retomar a atividade apenas quando a situação voltasse ao normal. “Ninguém estava preparado para baixar as portas por tanto tempo. Por isso, durante várias semanas, fiquei sem saber o que fazer”, afirma Carolina.

MARCELO APRÍGIO/JC
CURSOS PARA EMPREENDEDORES - Carolina Ramos - MARCELO APRÍGIO/JC

A microempresária ficou nessa situação até que uma amiga lhe contou sobre os serviços gratuitos do Sebrae, que oferece cursos e mentorias a empreendedores afetados pela crise. Ela, então, entrou em contato, e recebeu ajuda de professores da instituição em áreas como gestão de marketing, logística e contabilidade. “Eles pontuaram que era importante rever isso no negócio. Agora, por exemplo, eu cuido melhor das redes sociais. Posto fotos, produzo conteúdo. Parece uma coisa tão simples. Mas, antes, não tinha muita noção da importância disso”, diz a jovem empresária.

O Instituto Êxito, que oferece cursos para empreendedores, também registrou um aumento no número de alunos. A média de acessos entre março e julho deste ano cresceu 68% em relação a média registrada em maio de 2019, quando o instituto foi fundado, até o começo da pandemia. No site da instituição (www.institutoexito.com.br), são oferecidos mais de 290 cursos gratuitos com assuntos que vão desde planejamento de negócios, até atendimento ao cliente e captação de investimentos.

» Na contramão do desemprego, número de freelancers cresce 38,9% durante a pandemia no Brasil

Na Fundação Getulio Vargas (FGV), as formações gratuitas tiveram alta de 400% na adesão, em comparação aos meses de janeiro e fevereiro. Essa maior procura incentivou a estruturação de novos cursos pela instituição, conta a diretora de gestão acadêmica Mary Murashima. “Estamos agregando sete cursos de especialização on-line ao nosso portfólio, com o objetivo de fornecer mais opções de formação em diferentes áreas de conhecimento”, afirma ela.

De olho nessa procura crescente, a pernambucana Le Fil, companhia especializada em marketing digital e consultoria, promove uma série de masterclass sobre marketing estratégico para empresas. A primeira edição aconteceu na última quinta-feira (6), as outras aulas online acontecem nos dias 13 e 20 de agosto. Os interessados em participar devem se inscrever no link https://bit.ly/lefilmktclass. As aulas são gratuitas e têm uma hora de duração (das 19h às 20h). As vagas são limitadas.

"Cerca de 71% aumentaram a atração de clientes e 42% aumentaram faturamento”, diz a diretora de negócios da Le Fil, Socorro Macedo, sobre capacitação para empreendedoras

Capacitação para mulheres empreendedoras

Além disso, a empresa também criou o Projeto Mulheres Digitais para apoiar o empreendedorismo feminino e promover políticas de empoderamento através do marketing. As inscrições para o programa encerraram em junho e, até o momento, 20 mulheres que lideram micro e pequenas empresas já participaram da iniciativa. Elas assistiram aulas online e receberam orientação para aplicar os conhecimentos em seus empreendimentos. Receberam mentorias personalizadas e individuais, com uma hora de duração para cada empresa. “Com isso, cerca de 71% aumentaram a atração de clientes e 42% aumentaram faturamento”, comenta a diretora de negócios da Le Fil, Socorro Macedo.

ACERVO PESSOAL
CURSOS PARA EMPREENDEDORES - Luana Dantas - ACERVO PESSOAL

Quem já está colhendo os frutos dos conhecimentos adquiridos é Luana Dantas, gerente geral da Erva Doce Design Floral, que está no mercado desde 2015 e atende os clientes de forma presencial ou via delivery. Ela conta que buscou o projeto para que os conhecimentos adquiridos pudessem facilitar sua vida múltipla: mãe, florista, administradora, consultora jurídica e terapeuta holística. “Depois de participar do projeto, organizei melhor minha rotina, pois tive maior clareza nos próximos passos e ganhei motivação para seguir aprimorando”, conta Luana, afirmando que o aprendizado abriu um universo de possibilidades, trazendo mais direcionamento na aplicabilidade dos recursos digitais, cada vez mais essenciais.

Já o movimento #CompredoBairro é uma delas, com dois grandes objetivos: capacitar os micro e pequenos empreendedores por meio de temas estratégicos e produzir uma campanha de conscientização dos consumidores, para que haja mudança de hábitos para um consumo maior de negócios locais.

Dentro da plataforma, que pode ser acessada pelo endereço www.movimentocompredobairro.com.br, há uma série de conteúdos, que variam desde cursos de gestão financeira e contábil, gestão fiscal, marketing digital, recursos humanos, digitalização e experiência do consumidor, até e-book e notícias, com curadorias feitas pelo Sebrae, pela Endeavor e pela consultoria LHH. Para ter acesso, os interessados só precisam navegar pelo portal.

A InovAtiva, uma empresa de capacitação de empreendedores, disponibilizou durante a pandemia seis cursos gratuitos em seu site (www.inovativabrasil.com.br). Lá, o empreendedor pode aprender sobre modelagem financeira, acesso a capital, propriedade intelectual, proposta de valor e muito mais.

ACERVO PESSOAL
Luana Dantas já está colhendo os frutos dos conhecimentos adquiridos no Mulheres Digitais - FOTO:ACERVO PESSOAL
ACERVO PESSOAL
FLORES Luana Dantas procurou capacitação digital para enfrentar os desafios da pandemia. "Ganhei motivação" - FOTO:ACERVO PESSOAL
MARCELO APRÍGIO/JC
BRECHÓ Carolina passou a cuidas melhor das redes socias de seu negócio - FOTO:MARCELO APRÍGIO/JC
DIVULGAÇÃO
ONLINE Socorro Macedo da Le Fil: marketing estratégico para empresas - FOTO:DIVULGAÇÃO

Comentários

Últimas notícias