ASPIRAÇÕES

Pandemia fez brasileiros focarem seus objetivos financeiros no futuro, mostra pesquisa do Google

Mais de 40% dos brasileiros têm definidas suas aspirações para médio e longo prazo

Marcelo Aprígio
Cadastrado por
Marcelo Aprígio
Publicado em 06/01/2021 às 12:38 | Atualizado em 06/01/2021 às 13:30
Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil
No topo da lista de objetivos está a principal aspiração dos entrevistados: "dar um futuro melhor para a família" (41%) - FOTO: Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil
Leitura:

A pandemia do novo coronavírus fez com que parte considerável da população brasileira tivesse problemas financeiros, que geraram atrasos em contas e postergaram planos e realizações. Uma realidade facilmente comprovada pelo país afora. Mas a crise da covid-19 também inspirou o brasileiro a pensar mais no futuro. É o que mostra uma pesquisa realizada pelo Google Brasil, segundo a qual mais de 40% dos brasileiros têm definidas suas aspirações para médio e longo prazo.

 

No topo da lista de objetivos estão “dar um futuro melhor para a família” (41%); “viajar e conhecer novos lugares” (32%); e “investir na carreira ou no negócio próprio" (29%). Completa o ranking dos anseios “garantir a educação dos filhos” (28%), “construir um patrimônio” (26%) e “comprar um imóvel/carro” (24%).

“A pluralidade do brasileiro se reflete também nos seus desejos e realizações financeiras. Vemos que respostas mais concretas, como a compra de uma casa ou carro, se misturam com aspirações abrangentes como oferecer um futuro melhor, que é o principal desejo”, explica o gerente de contas do Google Brasil, Allan Benedecti.

Com a chegada de um novo ano, da esperança pelo início da vacinação, que pode encerrar a pandemia e melhorar a economia, cresce também o entusiasmo das pessoas para tirar muitas dessas metas do papel e realizá-las ainda em 2021.

ACERVO PESSOAL
Alexandre Santana pretende tirar suas metas do papel e realizá-las ainda em 2021 - ACERVO PESSOAL

Exemplo disso é o vendedor Alexandre Santana, 46 anos. Dono de uma pequena soparia no bairro do Janga, em Paulista, no Grande Recife, ele espera comprar uma motocicleta para ampliar o serviço de delivery do seu estabelecimento. “Muitos dos nossos clientes são de bairros vizinhos, alguns sempre passam por aqui para pedir a sopa e levar para casa, por isso pensamos em fazer as entregas, dando um conforto ao cliente e tentando fidelizá-lo”, conta ele.

“De bicicleta não dá para ele ir a muitos lugares, por isso estamos gastando menos e juntando um dinheirinho para ampliar o alcance do serviço de entregas. É uma maneira de investir na minha lanchonete, além de melhorar a locomoção das pessoas da minha casa”, completou.

Economias pessoais

A estratégia de Alexandre para atingir seus objetivos é a mesma escolhida por muitos brasileiros. De acordo com o levantamento feito pelo Google, 26% pretendem mudar hábitos e economizar. Guardar ou investir parte da renda é o desejo de 24%, enquanto 19% querem abrir um negócio e 13% contam com a ajuda da família. Há também quem pense em ficar famoso para cumprir suas metas. Este é o plano para 8% dos brasileiros.

Os dados mostram ainda que 39% acreditam que uma instituição financeira pode ajudar a conquistar seus objetivos, mas outros meios também são populares, como ajuda da família (25%), canais no YouTube e blogs de investimento (16%) e pedir ajuda do assessor de investimentos (10%).

"Não existe fórmula mágica para tirar essas aspirações do papel. É preciso tomar algumas iniciativas. Primeiro, faça um orçamento pessoal, detalhe tudo que você ganha e gasta. Não esqueça de anotar os gastos, ainda que sejam pequenos. Segundo, ao receber seu salário, guarde aquilo que você deseja poupar em primeiro lugar. Não faça a bobagem de economizar o que sobra", explica o economista e professor do Unit-PE Edgard Lima.

"Por fim, é preciso dedicar pelo menos alguns minutos para verificar orçamento, gastos e comparar com períodos anteriores para saber se conseguiu economizar. Assim você poderá conseguir cumprir muitos objetivos financeiros", conclui.

Comentários

Últimas notícias