CONTA DE LUZ

Produtores rurais pernambucanos podem ter desconto na conta de energia, veja quem tem direito

Os descontos são de até 12% para o produtor rural e de até 65% para aqueles que têm direito à tarifa social de energia elétrica. Celpe fez um convênio com a Fetape pra facilitar o cadastramento dos produtores rurais

Angela Fernanda Belfort
Angela Fernanda Belfort
Publicado em 19/07/2021 às 17:06
Notícia
Foto: Tony Winston/ Agência Brasília
Produtores rurais pernambucanos podem ter descontos na conta de luz - FOTO: Foto: Tony Winston/ Agência Brasília
Leitura:

Produtores rurais pernambucanos podem ter desconto na conta de energia. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) está fazendo um trabalho de cadastramento dos clientes na Tarifa Rural de Energia Elétrica, benefício concedido aos moradores e trabalhadores rurais, que possuem instalações classificadas como Rural. Nesta categoria, o desconto para quem se inscrever é de até 12% na conta de luz. Ainda neste mesmo grupo de consumidores, a distribuidora está tentando identificar quem está apto a ser inserido na Tarifa Social de Energia Elétrica, que concede até 65% de desconto.

>> Tarifa social pode ser solicitada pelo Whats App 

Para acelerar esse trabalho, o presidente da Celpe, Saulo Cabral, assinou um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com a presidente da Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares de Pernambuco (Fetape), Cícera Nunes, com a finalidade de promover as ações que incentivem e facilitem o cadastramento dos produtores rurais na Tarifa Social ou na Tarifa Rural em todo o Estado.

O acordo também contempla a realização de ações sociais, de comunicação e eficiência energética junto aos consumidores. Durante o ato de assinatura, também estava presente o deputado estadual Doriel Barros, atual presidente da Comissão de Agricultura da Alepe, e ex-presidente da Fetape.

Saulo Cabral destacou a importância do acordo para a Celpe. “Esta parceria vai nos ajudar a chegar nessas pessoas. Atualmente, a Celpe, mesmo com as comunicações em redes sociais, web, rádio e TV, tem dificuldade de levar esta informação para este nicho de cliente. Desta forma, é imprescindível o apoio da Fetape para intensificarmos as ações como cadastramento de benefícios tarifários como tarifa rural e social, que possibilitam o desconto de até 65% na conta de energia dos clientes de baixa renda e rurais”, afirmou.

Com 174 sindicatos filiados e mais de 1,5 milhão de sócios, a Fetape  já começou a divulgar a parceria para os consumidores. “Esse convênio é importante para a dignidade das pessoas. A Celpe enxergou essa necessidade e nós nos dispusemos em ajudar. Vamos repassar essas informações para o máximo de trabalhadores e agricultores com a finalidade de eles conseguirem o desconto na conta de energia”, afirmou Cícera Nunes. Então, o primeiro passo para os produtores é procurar o sindicato de trabalhadores rurais do seu município. 

A primeira ação em conjunto da Celpe com a Fetape está marcada para o dia 27 deste mês, quando será realizado um seminário para todos os filiados da Federação para passar todas as informações sobre como aderir aos benefícios sociais da conta de energia e em relação ao uso seguro e eficiente da eletricidade dentro de casa e no local de trabalho.

REGRAS

Confira as regras para o consumidor ser enquadrado na tarifa social: 

Ser inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, ou seja, ter NIS - Número de Identificação Social, com renda familiar mensal por pessoa menor ou igual a meio salário mínimo nacional, independente de possuir ou não o benefício do Bolsa Família, e que tenha sido atualizado nos últimos dois anos; ou ser inscrita no Cadastro Único da Prefeitura, com renda familiar mensal de até três salários mínimos, que tenha alguém com doença ou patologia que precise do uso continuado de aparelhos ou equipamentos elétricos, e apresente um atestado médico com as seguintes informações do item 3; ou ter idoso ou deficiente que receba o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social – BPC, Lei LOAS, com seu respectivo NB – Número do Benefício, entre outras. 

Comentários

Últimas notícias