Retomada da economia

Festas de réveillon ainda não estão autorizadas em Pernambuco; quem vender ingressos poderá ter que devolver o dinheiro

Secretária executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, diz que o assunto está em discussão, mas ainda não existe posição oficial

Adriana Guarda
Adriana Guarda
Publicado em 05/08/2021 às 18:51
Notícia
Foto: Acervo JC Imagem
Festa vai depender de certificado de vacina e de testagem de coronavírus - FOTO: Foto: Acervo JC Imagem
Leitura:

A secretária executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, fez um alerta nesta quinta-feira (5) a quem está vendendo e comprando ingressos para festas como o Réveillon 2021 e o Carnaval 2022. Ainda não existe posição oficial do Estado autorizando a realização dessas festas. Portanto, o recado é claro: quem vender poderá estar sujeito a devolver o dinheiro e quem comprou terá que cobrar o ressarcimento. 

A venda de ingressos para festas foi questionada durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira (5) para anunciar mais um movimento de flexibilização nas atividades econômicas. Chamou atenção o fato de algumas festas estarem sendo anunciadas como confirmadas, quando o processo ainda está em discussão entre os produtores e o governo. 

"O governo não se pronunciou ainda sobre eventos do final de ano e Carnaval. Estamos em diálogo constante com o setor de eventos e eles alegam que precisam de previsibilidade para fechar a grade de artistas e vender os ingressos. É natural que para isso precisem de tempo. E estamos discutindo com eles para estruturar um protocolo, se seria necessário apresentar certificado de vacinação ou testagem, como seria?", questiona. 

A secretária adianta que está olhando outras tentativas pelo País. "Também estamos observado a experiência de outros Estados que já realizaram eventos grandes. Além disso, em setembro também queremos realizar eventos-piloto para como funcionaria com as pessoas em pé, sentadas, com e sem máscara. Mas quem está vendendo ingressos está fazendo por sua conta e risco e poderá ter que devolver o dinheiro", afirma Ana Paula. 

FESTAS ANUNCIADAS

Com a redução do número de casos de covid-19 e a flexibilização das atividades econômicas, já foram anunciadas festas como Essential, em Maria Farinha; Parador, no Recife; Vega Vareta (ainda sem local) e Carneiros, na Praia dos Carneiros.  

Comentários

Últimas notícias