Queda

Com instabilidade do Facebook, ações da empresa na Bolsa de Valores despencam 5%

No mercado americano Nasdaq, as ações do Facebook estavam por um valor 5,04% mais baixo, sendo vendidas por US$ 325,72 às 14h desta segunda-feira (4)

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 04/10/2021 às 15:24
 Divulgação/ Facebook
Indicadores de digitação, reações e envio de arquivos, como fotos e vídeos, estão mantidos - FOTO: Divulgação/ Facebook
Leitura:

A instabilidade no aplicativo do Facebook registrada na tarde desta segunda-feira (4) causou uma queda nas ações da empresa na Bolsa de Valores brasileira, a B3. Por volta das 14h, os papeis da empresa chegaram a R$ 63,06, o que representa uma redução de 5,14%.

No mercado americano Nasdaq, as ações do Facebook estavam por um valor 5,04% mais baixo, sendo vendidas por US$ 325,72. O Nasdaq é o segundo maior mercado de ações do mundo. O primeiro é a Bolsa de Valores de Nova York, também nos EUA. 

Whatsapp e Instagram

O Whatsapp e Instagram também estão apresentando instabilidade. Ambos integram o conglomerado tecnológico do Facebook, comandado por Mark Zuckerberg.

Por meio do Twitter, a companhia confirmou que se tratava de uma queda global. O Facebook, o Whatsapp e o Instagram não estão funcionando no aplicativo e nem no desktop.

"Estamos cientes de que algumas pessoas estão tendo problemas para acessar nossos aplicativos e produtos. Estamos trabalhando para voltar ao normal o mais rápido possível e pedimos desculpas por qualquer inconveniente", disse o Facebook. 

Jornal do Commercio no Telegram

O Jornal do Commercio possui um canal no Telegram com as principais notícias do dia. Clique aqui e inscreva-se.

Comentários

Últimas notícias