CASA PRÓPRIA

Banco permite ''pular'' duas parcelas do financiamento imobiliário; veja como funciona

O serviço estará disponível aos clientes que já possuem operações de crédito imobiliário em dia com o banco e também para novos contratos

Lucas Moraes
Lucas Moraes
Publicado em 15/11/2021 às 16:47
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Para o secretário da Receita Federal, José Tostes, a medida é positiva para contribuintes, que vão pagar imposto menor na hora da venda - FOTO: Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

Com a trajetória em alta da taxa de juros, a tendência é que a entrada e o valor das parcelas do financiamento imobiliário, a depender da modalidade de contratação, encareçam. De olho, na movimentação dos clientes, alguns bancos estão buscando soluções para trazer algum alívio, mesmo que momentâneo, ao bolso do consumidor, como a postergação do pagamento de parcelas. 

No caso do Itaú, os clientes passam a contar com a possibilidade de "pular" até duas parcelas do financiamento imobiliário a cada 12 meses. 

O Pula Parcela poderá ser ativado através do aplicativo do Itaú, que terá uma ferramenta de simulação para o valor das parcelas após o adiamento.

De acordo com o banco, o programa é válido para contratos sem atrasos, que não possuam outros tipos de abatimento ativos e estejam com mais de sete parcelas restantes para quitação.

A adesão ao Pula Parcela pode ser feita de forma digital, direto pelo app Itaú. O serviço estará disponível aos clientes que já possuem operações de crédito imobiliário em dia com o banco e também para novos contratos.

Os valores referentes às parcelas mensais adiadas, incluindo os juros e encargos contratuais, serão diluídos proporcionalmente no restante do contrato, o que segundo o banco não trará grandes variações nos valores já pactuados a serem pagos. 

FINANCIAMENTOS

O Itaú, nos primeiros nove meses de 2021, concedeu mais de R$ 35,6 bilhões em crédito para pessoas físicas adquirirem imóveis, volume três vezes superior ao montante concedido no mesmo período de 2020, o que colocou o banco na liderança da concessão de crédito imobiliário entre os bancos privados. 

 


 

Comentários

Últimas notícias