ACORDO

Atletas ainda aguardam definição do Trio de Ferro sobre redução salarial

Segundo presidente do Sindicato dos Atletas de Pernambuco, Ramon Ramos, os jogadores do Náutico, Santa Cruz e Sport ainda esperam proposta dos clubes para acatar ou contestar alguma decisão

Túlio Feitosa Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 25/03/2020 às 12:46
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Hernane Brocador, no clássico das Multidões entre Sport x Santa Cruz realizado na Ilha do Retiro, em jogo válido pela Copa do Nordeste - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Com a pausa nas atividades do futebol no mundo inteiro, devido ao surto do coronavírus, a Comissão Nacional de Clubes (CNC), junto com as federações de futebol do Brasil, apresentaram propostas de antecipação de férias e redução salarial. Segundo o presidente do Sindicato dos Atletas de Pernambuco, Ramon Ramos, qualquer contestação vinda por parte dos atletas do Náutico, Santa Cruz e Sport, será feita após a apresentação das decisões feitas pelos clubes sobre o tema.

"Consultei os jogadores dos três times daqui (Recife) e passei para a Fenapaf que eles (os atletas) preferem aguardar que os clubes informem aos mesmos a decisão que irão tomar", relata Ramon Ramos.

A primeira proposta da CNC previa redução de 50% do salário, na carteira e direito de imagem, mais antecipação dos 30 dias das férias, que logo foi contestada pela Federação Nacional dos Altetas Profissionais de Futebol (Fenapaf). Já a contraproposta viria com a redução salarial de 25% e 20 dias das férias antecipadas, além dos 10 dias no final da temporada. Caminho que foi embasado na CLT.

Resistência

Segundo a publicação do jornalista Andrei Kampff, para o UOL, a resposta da Fenapaf seria dada até esta quarta-feira (25), mas que grande parte dos atletas acenaram negativamente para a proposta da redução dos 25%. Apesar de concordarem entrar de férias por 20 dias, pediram que a CBF fosse a fiadora para o cumprimento dos pagamentos de março e férias de abril.

Ramon Ramos, do sindicato de Pernambuco, afirmou que a Fenapaf já estava decidindo com outros sindicatos a decisão que seria tomada junto aos atletas para apresentar uma documentação aos clubes e Confederação Brasileira de Futebol.

Comentários

Últimas notícias